Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10031
Título: Análise fitoquímica e avaliação das antioxidante, antimutagênica e citotóxica do estrato hidoalcoólico de Coriandrum sativum L.
Autor(es): Santos, Patricia Carara dos
Orientador: Batitucci, Maria do Carmo Pimentel
Coorientador: França, Hildegardo Seibert
Palavras-chave: micronúcleo
adubação
mutagênese
quimioproteção
Data do documento: 28-Mar-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Coriandrum sativum L, conhecido como coentro, pertencente à família Apiaceae, trata-se de uma hortaliça originária do continente Europeu e Africano. Desta planta são aproveitáveis as flores, folhas e frutos. Além de seu papel na culinária, desempenha papel relevante na medicina popular sendo recomendada para tratamento de diversas doenças. É rica em compostos fenólicos, frequentemente relacionados a efeitos antioxidantes. Em geral, o substrato envolvido no processo de cultivo de plantas medicinais pode estar relacionado à produção de metabólitos secundários com princípios bioativos de interesse. Além da forma de cultivo, outro fator relevante na produção de metabólitos é o estádio de desenvolvimento na qual a planta se encontra. Devido à carência de trabalhos com esse enfoque envolvendo o coentro, o presente estudo teve o objetivo de avaliar a influência da adubação e de dois estádios de desenvolvimento vegetal (vegetativo e floração), na produção de metabólitos secundários de Coriandrum sativum, bem como relacionar essas condições com o potencial quimioprotetor, antimutagênico e antioxidante do extrato hidroalcóolico de suas folhas. As plantas foram cultivadas na região de Venda Nova do Imigrante/ES - Brasil, mantidas, em campo, sob os regimes de adubação orgânica (esterco bovino) e adubação química com nitrogênio, fosfato e potássio (NPK), envolvendo dois estádios de desenvolvimento (vegetativo e a floração). As partes aéreas foram secas e submetidas à maceração em etanol 70% para a obtenção do extrato bruto o qual passou por uma caracterização fitoquímica por métodos fitoquímicos preliminares e espectrometria de massas. Foi detectada a presença de metabólitos como cumarinas, esteroides e flavonoides, em todos os extratos e a espectrometria de massas apontou picos moleculares similares entre os extratos avaliados. O extrato bruto de C. sativum no estádio vegetativo e adubação química apresentou melhor atividade antioxidante, segundo o teste DPPH, em comparação aos demais grupos de tratamento e o extrato obtido a partir de plantas no estádio vegetativo apresentou maior redução na frequência de micronúcleos, em relação ao controle positivo, tanto no ensaio de pré-tratamento quanto no simultâneo.
Coriandrum sativumL., known as coentro, is included in the Apiaceae family and It is a vegetable originating from European and African Continent. Flowers, leaves and fruits are commonly used of this plant. In addition it plays an important role in folk medicine and It is recommended for treatment of various diseases. This plant is rich in phenolic compounds that are related to Its antioxidant effects. The substrate involved in medicinal plant cultivation process can interfere in the production of secondary metabolites with bioactive principles . Another important factor in the production of metabolites is the development stage in which the plant is and there is no scientific works with this approach involvingC. sativum. The aims of this study was evaluate the influence of fertilization on the production of secondary metabolites in two stages of development of Coriandrum sativumand relate these conditions with quimioprotetor, antimutagenic and antioxidantpotential of hydroalcoholic extract of the leaves of thisplant. Theplants were grown in the Venda Nova do Imigrante/ES –Brazil under the organic fertilizer regimes (bovine manure) and chemical fertilizer (NPK), field conditions, and was evaluated two stages of development (vegetative and flowering). Aerial parts were dried and subjected to maceration in 70:30 ethanol/water (vol/vol) to obtain the crude extract which were underwent a phytochemical characterization by colorimetric methods and mass spectrometry. All cultivation conditions showed that the extracts had same phytochemical classes of metabolites (coumarins, flavonoids and steroids) andthe mass spectrometry indicated similarities between the extracts evaluated. The crude extract of C. sativumin the vegetative stage and chemical fertilization showed better antioxidant activity, according to the DPPH test when compared to other treatment groupsandthe extracts obtained from vegetative stage of the 8plantsunder different cultivation conditionsshowed a reduction in the micronucleus frequencyin relation to the positive control in the pretreatment and simultaneously assay.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10031
Aparece nas coleções:PPGBV - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_9728_Dissertação_19_04_2016 OK.pdf1.25 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.