Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10335
Título: Síntese de Nanopartículas de CoFe2O4 e NiFe2O4 pelo método SOL-GEL Adaptado
Autor(es): Ribeiro, Jomar José Knaip
Orientador: Muniz, Eduardo Perini
Coorientador: Pereira, Rodrigo Dias
Data do documento: 10-Ago-2018
Citação: RIBEIRO, Jomar José Knaip. Síntese de nanopartículas de CoFe2O4 e NiFe2O4 pelo método Sol-Gel adaptado. 2018. 101 f. Dissertação (Mestrado em Energia) - Programa de Pós-Graduação em Energia, Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, São Mateus, 2018.
Resumo: Neste estudo foi avaliada a produção de estruturas de ferritas do tipo espinélio AFe2O4 (A= Co e Ni) utilizando uma rota alternativa para a confecção de nanomateriais, a partir da inserção como meio reacional de particulados secos de rejeitos provenientes do processamento de sucos de laranja e maracujá. Para a caracterização dos materiais foram utilizadas as técnicas de Espectroscopia de Infravermelho com Transformada de Fourier (FTIR), Difração de Raios-X (DRX) e Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV). Para as ferritas de níquel e cobalto, os precursores foram produzidos por meio da solução entre nitratos, água destilada e particulados secos dos rejeitos, sendo dispostos em um refratário e encaminhados para um forno convencional nas condições de 353 K por 24 h. Especificamente para a ferrita de cobalto, foram utilizados os rejeitos de laranja, e avaliadas as concentrações do particulado nos níveis de 20, 40 e 60 g.L-1, bem como a temperatura de calcinação de 873, 973, 1073 e 1173 K por 6 h para a obtenção dos pós nanométricos. Ambos fatores mostraram-se favoráveis para a síntese dos materiais, porém a concentração mostrou-se mais significativa para a obtenção de pós de ferrita de cobalto, pois apresentou maiores graus de pureza na condição de 60 g.L- 1. Foi avaliado o tempo de calcinação nas condições de 873 K por 1, 2, 3 e 6h, porém este fator não mostrou-se significativo. A partir dos valores ótimos para concentração e o tempo de calcinação, as ferritas de níquel foram produzidas utilizando os rejeitos do maracujá, explorando diferentes temperaturas para o tratamento isotérmico nas condições de 573, 673, 773, 873, 973, 1073, 1173 e 1273 K e 1 h. Constatou-se para a síntese, o mesmo comportamento dos particulados laranja, sendo obtidos materiais nanocristalinos de ferrita com estrutura do tipo espinélio possuindo alto grau de pureza e apresentando a influência positiva neste parâmetro com a temperatura de calcinação. Os resultados demostraram-se bastante satisfatórios com porcentagens da fase ferrita acima de 98 % para ambos materiais produzidos.
The objective of this study was to evaluate the production of AFe2O4 (A = Co ou Ni) spinel type ferrites using an alternative route for the preparation of nanomaterials, from the insertion as a reaction medium of dry particulate tailings from the processing of orange or passion fruit juice. For the characterization of the materials, the techniques of Fourier Transform Infrared Spectroscopy (FTIR), X- ray Diffraction (XRD) and Scanning Electron Microscopy (SEM) were used. For the nickel and cobalt ferrites, the precursors were produced by means of the solution between nitrates, distilled water and dry particulates of the tailings, being placed in a refractory and sent to a conventional kiln under the conditions of 353 K for 24 h. Specifically for cobalt ferrite, the orange tailings were used, and particulate concentrations were evaluated at the levels of 20, 40 and 60 gL-1 , as well as the calcination temperature of 873, 973, 1073 and 1173 K for 6h to obtain the nanometric powders. Both factors proved to be favorable for the synthesis of materials, but the concentration was more significant for obtaining cobalt ferrite powders, as higher purity levels were obtained in the 60 g.L-1 condition. The effect of calcination time was evaluated under the conditions of 873 K for 1, 2, 3 and 6h, but this factor was not significant. From the optimum values for concentration and calcination time, the nickel ferrites were produced using the passion fruit tailings, using different temperatures for the isothermal treatment under the conditions of 573, 673, 773, 873, 973, 1073, 1173 and 1273 K and 1 h. For the synthesis, the same behavior of the orange particles was observed, obtaining nanocrystalline ferrite materials with spinel-like structure having a high degree of purity with a positive influence on this parameter from the calcination temperature. The results were satisfactory with percentages of the ferrite phase above 98% for both materials produced.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10335
Aparece nas coleções:PPGEN – Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_12289_90-JOMAR JOSÉ KNAIP RIBEIRO.pdf4.2 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.