Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10342
Título: A carta do leitor como reflexo e refração do posicionamento ideológico do jornal
Autor(es): Miranda, André Freitas
Orientador: Vidon, Luciano Novaes
Data do documento: 30-Jun-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: A carta do leitor é construída no cruzamento de diferentes vozes e, por assim ser, seu processo de construção é por demasiado complexo. A transmissão do discurso de outrem é uma das principais características desse gênero argumentativo e pode se dar de diversas maneiras, resultando em diferentes efeitos de sentido, conforme orientam Bakhtin/Volochínov (2009), não sendo apenas um tema de um enunciado, mas constituinte e constitutivo dele. Não obstante, percebemos que os jornais podem usar o espaço destinado à carta do leitor como estratégia retórico-discursiva para manter ou promover a adesão dos leitores a discursos do próprio jornal. Com efeito, essa pretensão não poderia se dar apenas pela veiculação de cartas do leitor, mas através, também, da relação que esse gênero do argumentar pode estabelecer com diferentes gêneros do jornal e da mídia, particularmente, a jornalística. Baseados em procedimentos dialógicos de análise, a partir de pressupostos teóricometodológicos propostos por Bakhtin e seu Círculo, cujo princípio teórico fundante concebe que toda interação sócio-verbal resulta em enunciados que respondem a enunciados anteriores e suscitam enunciados novos, observaremos: como a carta do leitor pode se apresentar como reflexo e refração do posicionamento ideológicodiscursivo do jornal, analisando o processo dialógico de construção desse gênero do argumentar; suas diferentes formas de transmissão do discurso de outrem; como esse processo resulta num autor-criador engendrado dialogicamente; e quais os contornos da carta do leitor enquanto enunciado concreto. Por se tratar de um gênero argumentativo, foi necessário encontrar pontos de diálogos entre a teoria bakhtiniana, a Semiolinguística de Patrick Charaudeau e a Nova Retórica de Perelman e Olbrechts-Tyteca. O corpus desta pesquisa é constituído por 42 cartas do leitor dos jornais “A Tribuna” e “A Gazeta”; sendo 22 cartas publicadas pelo jornal “A Gazeta” entre 02 de março e 05 de abril de 2015 e 20 cartas publicadas pelo jornal “A Tribuna” entre 02 de março e 10 de maio de 2015.
The reader's letter is built at the interlacement of different speech, and so being, its construction process is too complex. The transmission of the other is one of the main characteristics of this genre argumentative and can happen in many ways, resulting in different effects of meaning, according to Bakhtin / Volochínov (2009) be not only a theme of a statement, but constituent and constitutive of it. No however, we realize that newspapers can use of the reader as a rhetorical-discursive strategy to maintain or promote adherence from readers to speeches of the newspaper itself. In fact, this claim could not only be based on the reader's letters, but also on the relation that this genre of argument can establish with different genres of the newspaper and the media, particularly the journalistic. Based on theoretical and methodological assumptions proposed by Bakhtin and his Circle, whose theoretical founding principle conceives that all socio-verbal interaction results in statements that respond to previous statements and elicit new speech, we will observe: how the reader's letter can present youself as a reflection and refraction of the newspaper's ideologicaldiscursive position, analyzing the dialogical process of construction of this genre of argument; your differents ways of transmission of the discourse of others; how this process results in an author-creator engendered dialogically; and what are the characteristics of the reader’s letter as a concrete statement. Because it is a genre argumentative, it was necessary find similar aspects between the bakhtiniana theory, Patrick Charaudeau's Semiolinguistics and the New Rhetoric of Perelman and Olbrechts-Tyteca. The corpus of this research consists of 41 Letters from the newspaper reader "A Tribuna" and "A Gazeta"; being 22 letters published by the newspaper "A Gazeta" between March 2 and April 5, 2015 and 19 letters published by the newspaper "A Tribuna" between March 2 and May 10 2015.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10342
Aparece nas coleções:PPGEL - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_11154_Dissertação COMPLETA de André Freitas Miranda CD.pdf11.16 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.