Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10603
Título: OTIMIZAÇÃO DOS PARÂMETROS DOS CONTROLADORES DE UM FILTRO ATIVO DE POTÊNCIA PARALELO UTILIZANDO ALGORITMOS MULTI-OBJETIVO
Autor(es): SANTANA, N. H. B.
Orientador: CELESTE, W. C.
Coorientador: OLIVEIRA, F. D. C.
Data do documento: 5-Jul-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SANTANA, N. H. B., OTIMIZAÇÃO DOS PARÂMETROS DOS CONTROLADORES DE UM FILTRO ATIVO DE POTÊNCIA PARALELO UTILIZANDO ALGORITMOS MULTI-OBJETIVO
Resumo: O aumento na utilização de cargas não-lineares na rede elétrica é um fenômeno que se iniciou em meados do século XX e tem aumentado a cada ano. Esse tipo de carga tem como principal característica a emissão de componentes harmônicos em decorrência de seu processo de conversão de energia, o que provoca diversos efeitos nocivos na rede elétrica, tais como aquecimento de condutores e transformadores, mal-funcionamento de equipamentos, inclusive de proteção, entre outros. Dentre as alternativas disponíveis para superar o problema dos harmônicos destacam-se os ltros ativos de potência devido ao seu bom desempenho operacional, principalmente para compensação de harmônicos de baixa ordem. Nesse contexto, diversas técnicas de controle foram desenvolvidas para a operação desses ltros, tais como o controle por histerese, controle Deadbeat e as técnicas de controle de corrente lineares, tais como o controle PI-SRF, controle P-MRI e o controle P-SSI. Essas possuem a vantagem de operar com frequência de chaveamento bem denida e não depender do conhecimento dos parâmetros do sistema para seu bom desempenho. Entretanto, a diculdade de sintonia dos controladores dessas técnicas é um problema relevante para sua aplicação. Dessa forma, este trabalho propõe a utilização de algoritmos de otimização para a sintonia dos controladores de duas técnicas de controle: PI-SRF e P-SSI. São utilizadas para isso, duas meta-heurísticas distintas, MOPSO e MOABC, para que seja possível comparar o desempenho de cada uma delas para a sintonia de cada um dos métodos utilizados. Os resultados mostram uma superioridade relevante do MOPSO, obtendo resultados até 17% melhores e com um tempo computacional 50% menor em relação ao MOABC. A técnica de controle P-SSI apresentou resultados ligeiramente melhores que a técnica PI-SRF, não convertendo sua maior complexidade em melhoria de desempenho. Os melhores parâmetros são utilizados em uma simulação de gain scheduling, permitindo reduzir o THD da fonte para 1,00% quando conectada a uma carga com THD igual a 20,19%.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10603
Aparece nas coleções:PPGEN – Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_12316_87 - Nelson Henrique Bertollo Santana.pdf5.96 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.