Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10750
Título: MARCAS NARRATIVAS DA CULTURA DO ESTUPRO NO CIBERESPAÇO ANÁLISE DA MISOGINIA CONTRA DILMA ROUSSEFF
Autor(es): VIEIRA, P. R.
Orientador: ALVES, Gabriela Santos
Data do documento: 13-Mar-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: VIEIRA, P. R., MARCAS NARRATIVAS DA CULTURA DO ESTUPRO NO CIBERESPAÇO ANÁLISE DA MISOGINIA CONTRA DILMA ROUSSEFF
Resumo: Este trabalho dissertativo investiga as marcas narrativas da cultura do estupro contra a primeira mulher a ocupar o cargo da presidência do Brasil, a petista Dilma Rousseff. O espaço do ciberterritório, com ênfase nas Redes Sociais na Internet constituem nosso foco de análise, na busca por compreender manifestações simbólicas de violência contra a mulher, especialmente quando essas mulheres ocupam espaços de poder e desafiam o estereótipo de gênero, sofrendo retaliações vinculadas ao conceito de cultura do estupro. Palavras-chave: cultura do estupro, violência simbólica, misoginia, discurso, redes sociais.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10750
Aparece nas coleções:POSCOM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_11883_Dissertação Pâmela Vieira.pdf3.98 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.