Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10842
Título: O papel do inglês e do pomerano na construção de identidade em comunidades pomeranas do ES
Autor(es): Pinheiro, Lívia Melina da Silva
Orientador: Finardi, Kyria Rebeca Neiva de Lima
Data do documento: 5-Dez-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esta pesquisa teve como objetivo refletir sobre o papel do inglês e do pomerano na construção? de identidades em comunidades pomeranas no Espírito Santo. As línguas adicionais analisadas nesta pesquisa foram o inglês (língua estrangeira) e o pomerano (língua de herança), além do português como língua oficial do Brasil. A fim de alcançar esse objetivo, um corpus composto por dissertações e teses dos últimos cinco anos sobre políticas linguísticas, bilinguismo, e o ensino de pomerano e de inglês em comunidades pomeranas foi analisado. Um total de onze dissertações e três teses compuseram o corpus. O referencial teórico se baseia no conceito de identidade de Bauman e no conceito de capital simbólico e cultural de Bourdieu. A análise preliminar do corpus indica uma lacuna de trabalhos feitos nessas comunidades especificamente sobre o ensino de inglês e de pomerano. A maioria dos trabalhos analisados no corpus teve como objetivo a valorização da língua e da cultura pomerana com fins de preservação. A revisão de políticas linguísticas sugeriu que o status do inglês no Brasil atualmente reflete as teorias de Bourdieu sobre o capital cultural, mercadológico e simbólico. O conceito de identidade de Bauman, analisado em relação ao papel do inglês, do pomerano e do português sugeriu que essas línguas devessem ser ensinadas nessas comunidades, respeitando as diferenças e necessidades globais e locais proporcionando não somente a sensação de pertencimento local e nacional, mas também global, promovendo a valorização da identidade de brasileiro-pomerano dessas comunidades.
This study aims to reflect upon the role of English and Pomeranian in the process of identity construction in Pomeranian communities in the state of Espirito Santo, Brazil. The additional languages analyzed in this study were English, (as a foreign language) and Pomeranian (as a language of inheritance) and Portuguese as the official language in Brazil. In order to reach this goal, the study analyzed a corpus composed of dissertations and theses published over the last five years and that dealt with language policies, bilingualism, and the teaching of Pomeranian and English in Pomeranian communities. A total of eleven master theses and three PhD dissertations composed the corpus of this study/thesis. The theoretical framework was based on Bauman's concept of identity and Bourdieu's concept of symbolic and cultural capital. The analysis of the corpus indicates a gap in studies carried out in these communities, specifically related to the teaching of English and Pomeranian. Most of the works analyzed in the corpus aimed to value the Pomeranian language and culture for preservation purposes. The review of language policies suggests that the status of English in Brazil today reflects Bourdieu's theories of cultural, market, and symbolic capital. Bauman's concept of identity, analyzed in relation to the role of English, Pomeranian and Portuguese, suggests that these languages should be taught in these communities, respecting global and local differences and needs in order to provide the feeling of local, national, and global belonging; as well as to promote the Brazilian-Pomeranian identity in these communities.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10842
Aparece nas coleções:PPGE - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_12835_LIVIA MELINA DA SILVA PINHEIRO.pdf768.7 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.