Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10889
Título: Relevância pragmática e humor resiliente: a questão do preconceito à deficiência nos cartuns de Ricardo Ferraz
Autor(es): GONCALVES, D. W.
Orientador: LINS, M. P. P.
Data do documento: 27-Nov-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: GONCALVES, D. W., Relevância pragmática e humor resiliente: a questão do preconceito à deficiência nos cartuns de Ricardo Ferraz
Resumo: A Teoria da Relevância (Sperber e Wilson, 1995 [2001]) permite que sejam compreendidos não somente os aspectos lógicos e filosóficos da linguagem, mas possibilita que questões de ordem psicológica envolvidas na interpretação de enunciados linguísticos também sejam analisadas. Ancorado nessa reflexão, este trabalho, inserido no campo teórico-metodológico da Pragmática, desenvolve uma análise textual-discursiva do gênero cartum, mais especificamente dos cartuns presentes no livro Visão e Revisão. Conceito e Preconceito. do autor capixaba Ricardo Ferraz, a fim de verificar a questão do preconceito à deficiência nas interações que compõem esses textos. Para tanto, são adotados os procedimentos teórico-metodológicos da Teoria da Conversação de Grice (1975 [1982]) e da Teoria da Relevância de Sperber e Wilson (1995 [2001]). Sendo o cartum um gênero de cunho humorístico, investiga-se, também, como o autor subjaz do humor, sobretudo do humor resiliente, para denunciar o preconceito velado nas falas e nas atitudes dos personagens. Para essa investigação de viés qualitativo e interpretativo, têm-se como contribuição os postulados de Bergson (1900 [1987]), Propp (1992) e Gomes (2008). No que concerne aos estudos sobre o gênero textual cartum, buscamos aporte, principalmente, nas propostas de Marcuschi (2008), Bakhtin (1952-1953 [2003]), Lins e Gonçalves (2013) e Ramos (2009, 2012, 2013 e 2014). Tendo como base o referido aparato teórico, nota-se que o processo de interpretação textual pode ser conduzido para muito além do que está representado na superfície dos cartuns, de forma verbal e visual. Assim, uma vez descoberta a implicatura dos textos, os leitores passam a refletir a respeito da situação descrita, no caso desses cartuns temáticos, o preconceito e a discriminação aos deficientes na sociedade.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10889
Aparece nas coleções:PPGEL - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_12647_DANNDARA - DISSERTAÇÃO MESTRADO.pdf2.18 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.