Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10973
Título: ALTA PRESSÃO HIDROSTÁTICA COMO FERRAMENTA DE SELEÇÃO DIRECIONADA EM S. cerevisiae PARA PRODUÇÃO DE ETANOL 2G PELA CASCA DE COCO VERDE
Autor(es): SANTOS, L. F.
Orientador: FERNANDES, P. M. B.
Coorientador: FERNANDES, A. A. R.
Palavras-chave: Etanol de segunda geração
Alta pressão hidrostática
Data do documento: 11-Mar-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SANTOS, L. F., ALTA PRESSÃO HIDROSTÁTICA COMO FERRAMENTA DE SELEÇÃO DIRECIONADA EM S. cerevisiae PARA PRODUÇÃO DE ETANOL 2G PELA CASCA DE COCO VERDE
Resumo: A casca de coco verde é um resíduo poluidor do meio ambiente gerado à toneladas no Brasil e que traz diversos problemas ambientais em seu descarte. Por isso, utilizá-lo para a produção de energia renovável é uma importante solução sustentável para a mitigação do impacto ambiental e para a geração de energia. A levedura Saccharomyces cerevisiae representa um dos microrganismos mais empregados nas indústrias de fermentação para a produção de biocombustíveis a partir de resíduos lignocelulósicos. Já existem no mercado cepas dessa levedura capazes de degradar resíduos lignocelulósicos, que vêm sendo desenvolvidas para aumentar o rendimento do processo, podendo tornar, este, viável financeiramente em escala industrial. A alta pressão hidrostática (HHP) é uma ferramenta que simula três tipos de estresses diferentes na levedura: o etílico, o térmico e o oxidativo, estresses esses que são muito comuns nas dornas de fermentação. Além disso, estudos comprovaram que a fermentação ocorre mais rapidamente quando a levedura se encontra sob HHP. Portanto, a HHP pode ser utilizada como ferramenta de seleção direcionada para se obter uma cepa com maior capacidade fermentativa e maior resistência aos estresses da fermentação, aumentando o rendimento do processo. Pretende-se, com este trabalho, aplicar uma pressão seletiva na cepa G2- 104 de S. cerevisiae, utilizando-se da alta pressão hidrostática, a fim de se obter uma cepa com maior capacidade fermentativa em meio de cultura de casca de coco verde, para aumentar o rendimento do processo de produção do etanol de segunda geração.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10973
Aparece nas coleções:PPGBIO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_13133_Dissertação_Luiza Favarato Santos.pdf
  Restricted Access
2.01 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.