Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11162
Título: Os discursos testemunhais midiatizados da Igreja Mundial do Poder de Deus
Autor(es): VILHAGRA, L. T. F. R.
Orientador: NASCIMENTO, J. V.
Data do documento: 20-Mar-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: VILHAGRA, L. T. F. R., Os discursos testemunhais midiatizados da Igreja Mundial do Poder de Deus
Resumo: RESUMO Esta Dissertação tem como tema o estudo de discursos testemunhais publicados no site da Igreja Mundial do Poder de Deus. Nesse viés, nosso trabalho almeja examinar quais são os efeitos de sentido presentes nesses discursos, dentro de um contexto de disputa institucional no cenário religioso brasileiro vigente. Para isso, elegemos como fundamentação teórico-metodológica a Análise do Discurso de linha francesa (AD), principalmente, tendo em vista a perspectiva enunciativo-discursiva proposta por Dominique Maingueneau. Além disso, como embasamento complementar, lançamos mão das contribuições das Ciências da Religião e dos estudos sobre Mídia. Este trabalho se justifica, uma vez que a ressignificação da doutrina neopentecostal influenciou inúmeras igrejas, dentre elas, a IMPD, a qual é uma das que mais cresceu na última década, aumentando ainda mais seus membros dentro e fora do país. Após nosso percurso teórico-analítico, constatamos que, em vez de glorificar a Deus por meio de um relato de uma pessoa agraciada por um evento sobrenatural, essas novas práticas discursivas acabam promovendo um marketing da IMPD frente às demais igrejas por meio do milagre. Palavras-chave: Análise do discurso; testemunhos midiatizados; Igreja Mundial do Poder de Deus; discurso religioso.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11162
Aparece nas coleções:PPGEL - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_13017_Leonardo Vilhagra_DISSERTAÇÃO FINAL.pdf2.7 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.