Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11192
Título: Existe concordância entre o nested PCR e o 4DX® Plus no Diagnóstico de Erliquiose Canina?
Autor(es): OLIVEIRA, B. F. S.
Orientador: APTEKMANN, K. P.
Palavras-chave: Ehrlichia canis
erliquiose monocítica canina
ELISA
sensi
Data do documento: 27-Fev-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: OLIVEIRA, B. F. S., Existe concordância entre o nested PCR e o 4DX® Plus no Diagnóstico de Erliquiose Canina?
Resumo: A erliquiose monocítica canina é uma hemoparasitose causada pela bactéria intracelular Ehrlichia canis, que apresenta distribuição mundial, embora tenha maior ocorrência em regiões com climas tropicais e temperados, devido à alta prevalência do seu vetor biológico, o Rhipicephalus sanguineus. Em decorrência da alta prevalência da erliquiose em cães, da gravidade dessa enfermidade e da necessidade de um diagnóstico mais preciso, objetivou-se avaliar o valor diagnóstico do teste sorológico (4Dx® Plus) com relação ao nested PCR e correlacionar os achados hematológicos com o nested PCR no diagnóstico de erliquiose monocítica canina. Foram selecionados 83 cães, apresentando suspeita clínica de erliquiose, não podendo ter histórico de hemoparasitoses, há menos de 9 meses. Foi realizada coleta de sangue para realização do hemograma, esfregaço sanguíneo (pesquisa de mórulas de Ehrlichia), teste de ELISA (4Dx® Plus) e nested PCR. Das 83 amostras de cães suspeitos, o nested PCR foi positivo para Ehrlichia canis em 26 cães (31,33%). A avaliação pelo teste 4Dx® Plus mostrou que 39 cães eram positivos (46,99%) para Ehrlichia sp. Observou-se que somente 15 cães (18,07%) apresentaram resultados positivos, tanto no nested PCR quanto no teste 4Dx® Plus. De acordo com a análise de distribuição de probabilidades, observou-se que teste 4Dx® Plus apresentou uma sensibilidade do 57,69%, especificidade de 57,89% com acurácia de 57,83%. Considerando apenas os cães positivos no nested PCR, não houve correlação entre a presença de nenhum parâmetro para Ehrlichia canis.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11192
Aparece nas coleções:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_12300_Brenda Fayla Seco de Oliveira.pdf1.07 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.