Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11211
Título: Cães de busca, resgate e salvamento : uma abordagem sobre o condicionamento físico
Autor(es): Feitosa, Caroline Sant' Anna
Orientador: Trivilin, Leonardo Oliveira
Palavras-chave: Biomarcadores cardíacos
Bioquímica sérica
Fisiologia do exercicio
Cardiac biomarkers
Exercise physiology
Serum biochemistry
Data do documento: 28-Fev-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Os cães de busca, resgate e salvamento possuem grande importância social por sua ajuda na localização de pessoas vivas e/ou mortas nos diversos tipos de ocorrências. Para executarem essas atividades os animais precisam estar Cães militares são frequentemente submetidos a atividades extenuantes que exigem alta atividade metabólica. Traçar o perfil da adaptação fisiológica desses animais ao exercício permite ao treinador trabalhar com maior segurança, bem como adaptá-los de acordo com a performance individual. Entretanto, para projetar um treinamento físico ideal para esses animais é necessário entender as mudanças que ocorrem nos parâmetros fisiológicos durante a modalidade de atividade desenvolvida. Assim, objetivou-se traçar o perfil de troponina I cardíaca (cTnI), lactato e glicose, bem como acompanhar variações de frequência cardíaca (FC) e verificar as alterações eletrofisiológicas cardíacas induzidas pelo exercício em cães do Corpo de Bombeiro Militar do Espírito Santo (CBM-ES). Para tanto, cinco animais pertencentes à equipe K9 do CBM-ES foram submetidos a um treinamento de busca, resgate e salvamento com duração de 60 minutos em uma área de floresta de aproximadamente 50.000m². As variáveis alvo deste estudo foram avaliadas em diferentes momentos. A FC, glicose e lactato foram avaliados antes, durante e em diversos momentos após a atividade, ao passo que o ECG e a cTnI foram avaliados antes e após o exercício, em diferentes momentos. Não houve diferença significativa nos valores de glicose entre o momento pré exercício e os demais tempos de avaliação. O lactato aumentou significativamente ao final do exercício, e diferenças significativas também foram observadas aos trinta minutos e sessenta minutos de recuperação. Os níveis de troponina aumentaram após a atividade física e manteve-se elevada por até quatro horas pós atividade. Com doze horas pós atividade os níveis de cTnI começaram a decair, permanecendo com esse comportamento até vinte e quatro horas após o fim do exercício. Em relação à FC observou-se ausência de diferença significativa nos valores comparados com a FC basal dos animais. No entanto, no momento 60EXERC observou-se maior frequência cardíaca média, sendo que no momento 15RECUP os valores obtidos encontravamse próximos aos basais. O exame eletrocardiográfico revelou aumento de duração de onda P em todos os momentos avaliados e ligeiro aumento de intervalo QRS nos momentos PRÉ, 60EXERC, 30RECUP e 60RECUP, bem como aumento de onda T nos momentos 60EXERC, 15RECUP e 60RECUP. Os resultados obtidos na presente pesquisa indicam que os animais estão adaptados ao exercício físico na intensidade e duração em que foi praticado, assim como sofrem sobrecarga atrial emfunção do treinamento de busca, resgate e salvamento.
Military dogs are often subjected to strenuous activities that require high metabolic activity. Tracing the profile of the physiological adaptation of these animals to the exercise allows the trainer to work with greater safety, aswell as to adapt them according to the individual performance. However, to design an ideal physical training for these animals it is necessary to understand the changes that occur in the physiological parameters during the mode of developed activity. The aim of this study was to trace the cardiac troponin I (cTnI), lactate and glucose profile, as well as to monitor heart rate (HR) variations and to verify cardiac electrophysiological changes induced by exercise in dogs of the Military Fire Brigade of Espírito Santo (CBM-ES). To that end, five animals belonging to the K9 team of CBM-ES underwent 60-minute searchand rescue training in a forest area of approximately 50,000m². The target variables of this study were evaluated at different times. HR, glucose and lactate were assessed before, during and at various times after the activity, whereas ECG and cTnI were evaluated before and after exercise at different times. There was no significant difference in glucose values between the pre-exercise moment and the other evaluation times. Lactate increased significantly at the end of the exercise, and significant differences were also observed at thirty minutes and sixty minutes recovery. Troponin levels increased after physical activity and remained elevated for up to four hours post-activity. At twelve hours post-activity the cTnI levels began to decline, remaining with this behavior until twenty-four hours after the end of the exercise. Regarding HR, no significant difference was observed in the values compared to the basal HR of the animals. However, at the 60'EXERC time, a higher mean heart rate was observed, and at the time 15'RECUP values were close to the basal values. The electrocardiographic examination revealed an increase in P wave duration at all moments evaluated and a slight increase in QRS interval at moments PRÉ, 60'EXERC, 30'RECUP and 60'RECUP, as well as increase ofT wave at moments 60'EXERC, 15'RECUP and 60'RECUP. The results obtained in the present research indicate that the animals are adapted to the physical exercise in the intensity and duration in which it was practiced, as well as suffer atrial overload due to search, rescue and rescue training.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11211
Aparece nas coleções:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_12288_Caroline Sant' Anna Feitosa.pdf
  Restricted Access
1.91 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.