Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11311
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorMonte, Edson Zambon-
dc.date.accessioned2019-07-09T02:09:14Z-
dc.date.available2019-07-08-
dc.date.available2019-07-09T02:09:14Z-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/11311-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.subjectInovaçãopor
dc.subjectExportseng
dc.subjectInnovationeng
dc.subjectProductivityeng
dc.titleA contribuição do esforço inovativo para o desempenho exportador : uma análise para países latino-americanospor
dc.typemasterThesisen
dc.subject.udc330-
dc.subject.br-rjbnExportaçãopor
dc.subject.br-rjbnProdutividadepor
dcterms.abstractEste trabalho tem por objetivo estimar a contribuição do esforço inovativo na probabilidade de exportar e na intensidade das exportações de empresas manufatureiras de países latinoamericanos selecionados, a saber: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, México, Paraguai, Peru e Uruguai. Com essa finalidade, utiliza-se como proxy a variável binária “introdução de novos produtos no mercado”. Existem evidências na literatura empírica sobre economia internacional de que o sucesso exportador tem relação positiva com ganhos de produtividade ex-ante. Partindo desta hipótese, emprega-se três modelos econométricos de resposta dicotômica em dados de corte transversal: o Probit; o Probit bivariado, para correção do problema de endogeneidade entre as variáveis binárias de inovação e de exportação por meio de variáveis instrumentais; e o Modelo de seleção de Heckman, que corrige o viés de seleção da amostra na estimação da intensidade das exportações. Os microdados foram coletados na base da Enterprise Survey, pesquisa ao nível da firma vinculada ao Banco Mundial. Os resultados encontrados mostraram que o coeficiente de inovação é positivo e estatisticamente significante em sete dos dez países, e sinalizaram que o esforço inovativo aumenta a probabilidade de exportar, enquanto que a estimação da intensidade das exportações não encontrou resultados estatisticamente significantes na maioria dos países pesquisados.por
dcterms.abstractThis work aims to estimate the contribution of the innovative effort on the probability of export and the intensity of exports of manufacturing companies from selected Latin American countries, namely: Argentina, Bolivia, Brazil, Chile, Colombia, Ecuador, Mexico, Paraguay, Peru and Uruguay. We use as proxy the binary variable “introduction of new products in the market”. There are evidences in the empirical literature on the international economics that export success is positively related to ex-ante productivity gains. Based on this hypothesis, we use three econometric models of dichotomous response in cross-sectional data, the Probit; the bivariate Probit, to correct the endogeneity problem between the innovation and export binary variables by means of instrumental variables; and the Heckman’s sample selection model, which corrects the selection bias of the sample in the estimation of the intensity of exports. The microdata were collected on the database of the Enterprise Survey, a firm-level research linked to the World Bank. The results showed that the innovation coefficient is positive and statistically significant in seven of the ten countries and signaled that the innovative effort increases the probability of exporting, while the estimation of the intensity of exports did not find statistically significant results in most of the countries surveyed.eng
dcterms.creatorPella, Antônio Fernando Costa-
dcterms.formattextpor
dcterms.issued2019-05-29-
dcterms.languagepor-
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Economiapor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.subject.cnpqTeoria Econômica-
dc.publisher.courseMestrado em Economiapor
dc.contributor.refereeLouzada, Luiz Cláudio-
dc.contributor.refereeMoreira, Ricardo Ramalhete-
dc.contributor.advisor-coFerreira, Mariana Fialho-
Aparece nas coleções:PPGECO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_11264_Dissertação Antônio Fernando Costa Pella (final 08-07-19).pdf2.29 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.