Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2014
Título: Atividade nematicida do fungo Pleurotus ostreatus e de suas proteases
Título(s) alternativo(s): Nematicidal activity of the fungus Pleurotus ostreatus and its proteases
Autor(es): Genier, Hugo Leonardo André
Orientador: Pinheiro, Iara Rebouças
Data do documento: 8-Jun-2015
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Dentre as possíveis aplicações biotecnológicas de fungos e suas proteases, o controle biológico tem mostrado ser eficiente. O objetivo deste estudo foi avaliar a atividade nematicida do fungo Pleurotus ostreatus e suas proteases sobre larvas de Panagrellus sp. A atividade proteolítica de Pleurotus ostreatus (PLO 06) foi medida e caracterizada com pHs e temperaturas diferentes e na presença de um inibidor (PMSF). O tempo de produção máxima da enzima foi determinado coletando-se amostras a cada 24h durante 7 dias. O perfil das proteases foi observado através de zimograma. A atividade predatória do fungo Pleurotus ostreatus (PLO 06) foi avaliada sobre larvas de Panagrellus sp. (ensaio A), bem como a atividade nematicida de proteases de PLO 06 sobre as mesmas larvas (ensaio B). A atividade das proteases foi máxima em pH 9 e temperatura de 60 °C. Na presença de inibidor, não houve nenhuma atividade proteolítica. A maior atividade enzimática de P. ostreatus foi obtida com seis dias de incubação (71,6 U/mL). Os valores de redução das larvas (Ensaio A) foram: dia 1 (65,6%); dia 2 (77,4%); dia 3 (95,2%). A redução das larvas (Ensaio B) foi de 42%. P. ostreatus (PLO 06) e suas proteases mostraram eficácia contra larvas de Panagrellus sp., demonstrando ter potencial para aplicação no controle biológico integrado.
Among the possible biotechnological applications of fungi and their proteases biological control has proved to be efficient. The objective of this study was to evaluate the nematicidal activity of the fungus Pleurotus ostreatus and its proteases on Panagrellus sp. larvae. Proteolytic activity of P. ostreatus (PLO 06) was measured and characterized at different pHs, temperatures and in the presence of a inhibitor (PMSF). The time of maximum production of the enzyme was determined collecting samples every 24 hours for 7 days. A zymogram showed the profile of several proteases. Predatory activity of the fungus P. ostreatus (PLO 06) was evaluated on Panagrellus sp. larvae (assay A) as well as the nematicidal activity of PLO 06 proteases on the same larvae (assay B). At pH 9 and 60°C, the activity of the proteases reached the maximum. In the presence of inhibitor, there was no proteolytic activity. A sample collected on the sixth day of incubation showed the highest enzyme activity (71, 6 U/mL). The values of the reduction of the larvae (Assay A) were: day 1 (65.6%); day 2 (77.4%); day 3 (95.2%). The reduction of the larvae (Assay B) was 42%. P. ostreatus (PLO 06) and its proteases were very effective against Panagrellus sp. larvae, demonstrating great potential for use in integrated biological control.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2014
Aparece nas coleções:PPGEQ - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
dissertação versão biblioteca final pos publicada Hugo Genier.pdf655.69 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.