Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2239
Título: O telejornalismo local e seus modos de produzir sentidos em educação ambiental
Autor(es): Côgo, Maria de Fátima
Orientador: Ferreira, Martha Tristão
Data do documento: 19-Jun-2015
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esta tese, intitulada O Telejornalismo local e seus modos de produzir sentidos em Educação Ambiental, discute atravessamentos entre notícias e a educação ambiental na trajetória político-cognitiva do campo da educação ambiental e do jornalismo progressista fundamentando seu eixo problemático em torno de repercussões do desenvolvimento predatório, práticas sustentáveis como subversão à ordem econômica e ações de movimentos sociais em contraponto ao modelo neoliberal e à centralização da informação na mídia corporativa. Segue suas travessias, análises e reflexões a partir de notícias apresentadas em telejornais das televisões locais Educativa, Gazeta, Tribuna, Vitória e Capixaba, fundadas na compreensão do jornalismo enquanto viés plural e democrático de expressão dos acontecimentos. Faz sua aposta político-cognitiva nos pressupostos multiculturalistas da educação ambiental e do jornalismo progressista construindo sua gramática discursiva a partir de redes de conversações com jornalistas e radialistas que desenham um recorteretrato de cotidianidades e de memórias, demarcadas pela linha do tempo entre 1980 e 2015. Problematiza a cobertura dos telejornais locais seguindo percursos de defesa da democratização da informação e de sua agenda progressista em contraposição ao pensamento de mercado que, historicamente, exclui o humano e o ambiental. Argumenta em favor da superação de visões restritas da problemática socioambiental em suas resistências ao agronegócio e ao neoliberalismo defendendo o cuidado e o respeito com a natureza e discutindo intervenções emancipatórias produzidas pelos movimentos sociais em seus caminhos contrários ao padrão civilizatório seletivo e discriminatório
Entitled Local TV Broadcasting and its means for producing sense in Environmental Education, this thesis discusses the cross-links of broadcasting news with environmental education onto the political-cognitive trajectory of environmental education and progressive journalism, basing its problematic axis around the impact of predatory development, sustainable practices as subversion of the economic order and the actions of social movements in opposition to the neoliberal model and the centralization of information by corporate media. It outlines the cross-links, analyses and reflections from news broadcasted by the five local television stations, TV Educativa, Gazeta, Tribuna, Vitória and Capixaba, based on the understanding of journalism as a pluralistic and democratic means for the expression of events. It sets its political-cognitive bet on multicultural presuppositions for environmental education and progressive journalism while building its discursive grammar from a network of conversations with journalists and broadcasters who outline a cutout-portrait of their daily activities and recollections demarcated by the 1980 to 2015 timeline. It ponders on local broadcast news coverage by following pathways for the defense of information democratization and its progressive agenda as opposed to market-driven thinking that has historically excluded human and environmental elements. It argues in favor of overcoming restricted visions on social and environmental issues on their resistance to agribusiness and neoliberalism, while defending the care for nature and discussing emancipatory interventions produced by social movements in their ways opposite to a civilization pattern that is selective and discriminatory
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2239
Aparece nas coleções:PPGE - Teses de doutorado



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.