Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2666
Título: Para além do consumo conspícuo : uma proposta de interpretação da teoria do consumo em Thorstein Veblen
Autor(es): Camatta, Rafael Barbieri
Orientador: Salles, Alexandre Ottoni Teatini
Palavras-chave: Consumo conspícuo
Data do documento: 30-Mai-2014
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: O consumo é um tema central na economia e foi abordado em diversas correntes microeconômicas, além de ser estudado em diversas outras áreas como a Administração, Marketing, Psicologia, Sociologia, etc. Este trabalho busca mostrar a importância da contribuição de Thorstein Veblen acerca deste tema, que engloba componentes como instintos, hábitos e instituições. Para tanto, inicia-se a pesquisa com uma retrospectiva histórica sobre a conjuntura institucional na qual o autor escreveu sua obra. Ao longo desta são apontados como os fenômenos históricos influenciaram algumas das obras do autor. Em seguida, apresenta-se a teoria do processo de decisão do agente em sua forma mais abstrata, no que tange à inter-relação dos instintos, hábitos e instituições. Esta análise se inicia com um breve panorama da Teoria da Utilidade Marginal, qual seja, a interpretação marginalista sobre o consumo, seguida da crítica vebleniana a esta teoria. Estas seções são importantes pois é a partir da crítica à Utilidade Marginal que Veblen apresenta quais são as bases essenciais para uma teoria do consumo institucionalista assim como quais são suas concepções epistemológicas. Em seguida examina-se a teoria do processo de decisão do agente vebleniano, base para a elaboração tanto da teoria do consumo conspícuo quanto do consumo padronizado. Na sequência, analisa-se o consumo conspícuo na obra de Veblen e a interpretação marginalista deste conceito. Busca-se avaliar em que medida esta última se afasta da teoria original, assim como mostrar seus avanços acerca do tema. Demonstra-se, a partir da análise do livro The Theory of Bussiness Enterprise, que a concepção vebleniana não está restrita ao consumo conspícuo e apresenta o conceito de consumo padronizado, responsável por analisar mercadorias não emulativas.
The consumption issues are central to the economic theory, and were approached by various microeconomic schools and as well by other disciplines as Administration, Marketing, Psychology, Sociology, etc. This Dissertation tries to demonstrate the importance of Thorstein Veblen contribution to the theme, primarily by the inclusion of instincts, habits and institutions in the analysis. To this purpose, the study initiate with a historical retrospective of the decades that Veblen wrote his most important works. As the historical phenomena are discussed, there are indications of how those have influenced Veblen’s works. Afterwards, the Veblen’s decision making process is presented, with specific sections to instincts and habits/institution, as well as the interrelation between those factors. This analysis initiate with an overview of the marginalist theory of consumption (the marginal utility theory), and Veblen’s critic to this point of view. Those sections are important to express the origin point of Veblen epistemological proposition for an evolutionary economics. Subsequently, the decision making process is analyzed per se. Over this process lies all Veblen’s consumption theory, both the conspicuous and the standardized. Finally, the primary objective of this Dissertation is investigated, first by the survey of Veblen’s Conspicuous Consumption Theory, the original proposition, than its latter unfolding research, the marginal interpretation. In these section the research attempt to expose in which points the marginal interpretation of the Conspicuous Consumption advances as well in which points it deviates from the original proposition. Finally, from the analysis of The Theory of Business Enterprise book, the research indicates that Veblen’s consumer theory is not restricted to the Conspicuous Consumption of luxury brands. Otherwise, with the introduction of standardized consumption concept, this theory embodies the wage goods as well.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2666
Aparece nas coleções:PPGECO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_6169_Camatta 2014 - Para Além do Consumo Conspícuo - Definitivo.pdf935.96 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.