Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2875
Título: Entre Pipas, Lutos, Aprisionamentos e Medicações: As Peculiaridades na Relação do Conselho Tutelar Com As Crianças Encaminhadas pela Escola.
Autor(es): FERNANDES, P. V.
Orientador: ARAGAO, E. M. A.
Data do documento: 18-Mai-2009
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: FERNANDES, P. V., Entre Pipas, Lutos, Aprisionamentos e Medicações: As Peculiaridades na Relação do Conselho Tutelar Com As Crianças Encaminhadas pela Escola.
Resumo: RESUMO Esta dissertação se propõe a estudar as peculiaridades da relação entre o Conselho Tutelar e as crianças que foram encaminhadas pela escola no município de Cariacica-ES. Divide o trabalho de campo em dois principais momentos: o primeiro se efetivou no contato com as ex-conselheiras tutelares que participaram do mandato de 2005 a 2007, do município de Cariacica, e o segundo, com as crianças e suas famílias, que passaram a se relacionar com o Conselho Tutelar a partir de um encaminhamento feito pela escola. Visualiza essa situação como um triângulo no qual Conselho, escola e familiares/crianças seriam os três vértices. A demanda foi formulada em um deles, no caso a escola, leva a indagar sobre as narrativas e os atravessamentos que poderiam ser depreendidos das duas outras partes envolvidas, a família/criança e os conselheiros. A partir do método qualitativo, percorre esse caminho acompanhando as variações do campo. O referencial teórico trabalha com autores que compartilham, juntamente com Foucault, da ideia de uma história que pode ser abordada numa perspectiva genealógica, que permite a visibilidade dos mais variados saberes existentes em um determinado espaço e momento social. Foram realizadas entrevistas com quatro conselheiras e quatro crianças e suas famílias. A partir dessas entrevistas, compreende uma relação marcada pela psicologização, pelo discurso competente, pelo intimismo, pelo familiarismo e, por fim, destaca a formação um campo de forças no qual a criança é empurrada para os diversos espaços que produzem e reproduzem os comportamentos das crianças, considerados por todos como inaceitáveis. Palavras chaves: Conselho Tutelar. Criança. Família. Escola.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2875
Aparece nas coleções:PPGPSI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_3151_PRISCILA VALVERDE FERNANDES.pdf683.56 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.