Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3031
Título: O ciúme na análise do comportamento :contribuições teórico-empíricas
Autor(es): Vasconcelos, Filipe Moreira
Orientador: Borloti, Elizeu
Palavras-chave: Ciúme
Análise do Comportamento
Estudo Experimental
Data do documento: 12-Ago-2011
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esta dissertação apresenta dois estudos (um teórico do tipo estudo de revisão e outro experimental) sobre ciúme na Análise do Comportamento. Embora o ciúme seja amplamente pesquisado em diferentes áreas da Psicologia, a análise do Comportamento tem produzido poucos estudos sobre esse tema. Por esse motivo, a partir dos dois estudos apresentados, o objetivo dessa dissertação é trazer À Análise do Comportamento as contribuições: 1) de outras áreas da ciência, de modo que se possa construir, com conceitos comportamentais, um arcabouço sustentável para o estudo do ciúme; 2) da própria Análise do Comportamento, para que se possa testar experimentalmente algumas das interpretações behavioristas sobre ciúme. O Estudo I é um estudo teórico de revisão com o objetivo de analisar o comportamento emocional ciumento sob o referencial teórico da abordagem analítico-comportamental, focalizando suas variáveis sócio-verbais e intercalando essa análise com alguns dos conceitos provindos da Sociologia. A partir dessa interlocução constatou-se que à medida que contingências sócio-verbais se alteram, as concepções sobre ciúme e as situações evocadoras do mesmo são também alteradas. Além disso, essas contingências podem também promover autodescrições que constituem equivalentes verbais relacionados ao ciúme dentro de cada cultura, e o indivíduo enciumado poderá nomear-se com esses equivalentes. O Estudo II apresenta uma investigação experimental sobre ciúme através de um arranjo social arquitetado em laboratório, tendo como base a abordagem externalista da Análise do Comportamento na explicação do comportamento emocional ciumento. Seu objetivo foi investigar o efeito de contingências previamente programadas envolvendo um rival sobre a ocorrência do comportamento emocional ciumento. O método utilizado foi o delineamento de sujeito único, em que os dados de cada participante foram comparados individualmente nas duas fases do procedimento. Os Participantes foram divididos em Participantes e Observadores, de ambos os sexos. O procedimento foi dividido em Fase 1 (ausência de competição por reforçadores) e Fase 2 (presença de competição por reforçadores). Os Observadores inferiram os sentimentos dos participantes em cada fase. Os resultados mostraram que o contexto experimental arranjado foi suficiente para gerar respostas ciumentas nas situações em que havia competição (Fase 2). Eles permitiram também a operacionalização das variáveis necessárias para a evocação do comportamento emocional ciumento e a elucidação das variáveis necessárias para as inferências de sentimentos provindas de indivíduos membros de uma comunidade sócio-verbal.
This dissertation presents two studies (a kind of “theoretical review" and one experimental) about jealousy in Behavior Analysis. Although jealousy is widely researched in different areas of psychology, behavior analysis has produced few studies on this topic. Therefore, from two studies presented, the goal of this dissertation is to bring the contributions Behavior Analysis: 1) from other areas of science, so that we can create, with behavioral concepts, a sustainable framework for the study of jealousy, 2) their own behavior analysis, so they can test experimentally some of the behavioral interpretations about jealousy. Study I is a theoretical review in order to analyze the emotional behavior jealous under the theoretical framework of behavior-analytic approach, focusing on its socioverbal and interspersed with this analysis stemmed some of the concepts of sociology. From this dialogue it was found that as socio-verbal contingencies change, the concepts of jealousy and situations evoke the same are also changed. Moreover, these contingencies can also promote self-descriptions that are verbal equivalents related to jealousy within each culture, and the individual appointed jealous with these equivalents. Study II presents an experimental research on jealousy by a social arrangement devised in the laboratory, based on the externalist approach of behavior analysis in the explanation of emotional behavior jealous. His goal was to investigate the effect of pre-programmed contingencies involving a rival on the occurrence of emotional behavior jealous. The method used was the design of single subject, in which data from each participant were individually compared in the two phases of the procedure. Participants were divided into participants and observers of both sexes. The procedure was divided into Phase 1 (no competition for boosters) and Phase 2 (presence of competition for boosters). Observers inferred feelings of participants in each phase. The results showed that the experimental context was arranged jealous enough to generate responses in situations where there was competition (Phase 2). They also allowed for the operationalization of the variables necessary for the evocation of emotional behavior and jealous of the variables needed to elucidate the implications of feelings coming from individual members of a community social and verbal.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3031
Aparece nas coleções:PPGP - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_3964_Dissertação - Final Filipe Vasconcelos.pdf978.06 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.