Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3238
Título: Entre o pranto e a mofa, a pátria idolatrada em triste fim de Policarpo Quaresma, de Lima Barreto: sob a égide do arrivismo, a nação em seu rolar de Sísifo
Autor(es): SILVA, C. M. C.
Orientador: AZEVEDO FILHO, D. S.
Palavras-chave: Lima Barreto
República Velha
Identidade nacional
Ironia
Data do documento: 10-Dez-2010
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SILVA, C. M. C., Entre o pranto e a mofa, a pátria idolatrada em triste fim de Policarpo Quaresma, de Lima Barreto: sob a égide do arrivismo, a nação em seu rolar de Sísifo
Resumo: O mote desta pesquisa é apontar os (des)caminhos que a obra do escritor Afonso Henriques de Lima Barreto percorreu, ressignificando sua importância na esfera literária. Por meio de uma análise que se intercala entre o histórico, o social e o ficcional, serão expostas sínteses que versarão sobre as configurações da República Velha chão histórico do literato, o plano estético do autor, além das projeções sobre as quais sua produção intelectual foi interpretada. Com o intuito de desmitificar sua classificação como autor de uma literatura menor, buscou-se revelar o quão moderna foi sua produção, uma vez que simbolizou uma ruptura com a estrutura academicista que vigia à época e com os ideais focados nos parâmetros europeus. Perpassando as nuances da identidade nacional que confrontam o Brasil formal do real, foi eleito o romance Triste fim de Policarpo Quaresma com vistas a expor como as prerrogativas de tom irônico do narrador transfiguraram as mazelas do país comandado por uma elite que visa(va) aos seus próprios interesses. Ao dar sentido ao romance em especial, intencionou-se desvelar o enigma brasileiro ali imaginado e ao mesmo tempo configurar o eixo fundamental sobre o qual se funda o discurso crítico do escritor mulato.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3238
Aparece nas coleções:PPGL - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_4398_.pdf1 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.