Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3354
Título: As duas faces do espelho : o Rio de Janeiro como reflexo do Brasil : políticas de segurança, 1987-2000
Autor(es): Siqueira, Washington
Orientador: Campos, Adriana Pereira
Data do documento: 31-Out-2008
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esta dissertação discute como o Estado brasileiro vem implementando políticas públicas de segurança e como os governos estaduais enfrentaram após a ditadura militar a violência urbana, no período de 1987-2000. Relaciona as políticas estaduais com o Plano Nacional de Segurança Pública (PNSP), lançado em 2000, durante o governo Fernando Henrique Cardoso. Analisa a concepção de descentralização política e administrativa imposta pelo PNSP e como foi articulada a implementação do Plano com os governos estaduais e municipais. Trata especificamente das políticas de segurança implementadas no Rio de Janeiro, no período de 1987-2000, em três governos estaduais, com o objetivo de analisar tais políticas e demonstrar como os governos estaduais enfrentaram o avanço da violência nas cidades. O estado do Rio de Janeiro, nesse contexto, apresenta-se como um espelho para o restante do país, espelho que reflete e é refletido, devido a sua importância sócio-histórica e cultural e do impacto através da mídia no contexto da violência urbana. Os governos estaduais do Rio de Janeiro são neste trabalho o espelho de gestão que administrou certa concepção de violência urbana, que se tornou modelo para todo o país, e através da análise dessa gestão podemos compreender como as políticas públicas de segurança foram construídas historicamente após a Constituição Federal de 1988, até o advento do PNSP em 2000.
The following dissertation discusses how the Brazilian State has been implementing public security policies and shows how the state government faced the urban violence after the military dictatorship over the 1987-2000 period. This paper combines the state policies with the National Public Security Plan (NPSP), launched in 2000 during the government of Fernando Henrique Cardoso. It also analyses the conception of political and administrative decentralisation imposed by NPSP and how the implementation of the Plan was articulated with the state and municipal governments. This work deals specifically with security policies implemented in Rio de Janeiro for the period of 1987-2000, in three state governments, with the objective to analyze such policies and demonstrate how the state governments faced the advancement of the violence in the cities. The state governments of Rio de Janeiro presented in this paper are the result of the management of a new conception of urban violence and it became a model to the entire country though the analyses of this management we can understand how the public security policies were built historically after the Federal Constitution of 1988 until the advent of HPSP in 2000.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3354
Aparece nas coleções:PPGHIS - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_3205_Washington_Siqueira.pdf638.86 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.