Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3405
Título: A IMPLEMENTAÇÃO DA REFORMA EDUCACIONAL (LEI N.º 5.692/71) NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO: RELAÇÕES DE PODER E MERCADO DE TRABALHO (1971-1978)
Autor(es): CABRAL, J. A.
Orientador: FRANCO, S. P.
Data do documento: 15-Set-2006
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: CABRAL, J. A., A IMPLEMENTAÇÃO DA REFORMA EDUCACIONAL (LEI N.º 5.692/71) NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO: RELAÇÕES DE PODER E MERCADO DE TRABALHO (1971-1978)
Resumo: A utilização da educação como fonte legitimadora de um projeto de poder, sempre foi uma tônica na realidade brasileira. Este trabalho investiga as questões que compõem essa íntima relação e procura desvelar os efeitos da implementação da Lei n. ° 5.692/71, que instituiu, mediante a reforma do ensino de 1.° e 2.° Graus, o ensino profissionalizante no Brasil a partir de 1971. Utiliza entrevistas e investiga a documentação da época, tomando como campo de estudo o Colégio Estadual do Espírito Santo. Aponta as circunstâncias em razão das quais a reforma não se operacionalizou, mostrando-se um modelo fracassado e inoperante. Palavras chave: História da Educação, Reforma do ensino, Ensino técnico, Formação profissional.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3405
Aparece nas coleções:PPGHIS - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_3406_Jefferson_Alves_Cabral.pdf591.84 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.