Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3521
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorGIL, Antonio C. A.
dc.date.accessioned2016-08-29T14:12:12Z-
dc.date.available2016-07-11
dc.date.available2016-08-29T14:12:12Z-
dc.identifier.citationVITALI, M. A., A identidade étnica indígena no discurso político do movimento zapatista: a voz do "Viejo Antonio" (1994-1998)por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/3521-
dc.format.mediumtexten
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.titleA identidade étnica indígena no discurso político do movimento zapatista: a voz do "Viejo Antonio" (1994-1998)por
dc.typemasterThesisen
dcterms.abstractO EZLN ou Exército Zapatista de Libertação Nacional emergiu no cenário mexicano, a partir de 1994, e transformou-se em um movimento social organizado em torno das identidades étnicas indígenas do estado de Chiapas. Desde sua aparição pública, os zapatistas se comunicaram com a sociedade civil e seus simpatizantes através de comunicados oficiais, cartas, contos e histórias que foram publicados em jornais, internet e demais suportes de comunicação. As principais vozes discursivas do movimento são representadas pelo CCRI-CG (Comitê Clandestino Revolucionário Indígena Comandância Geral) e pelo Subcomandante Marcos (um dos porta-vozes do movimento). Nossa pesquisa analisou os contos escritos por Marcos, no qual seu principal protagonista foi o Viejo Antonio, personagem que relata os aspectos míticos, políticos e sociais do mundo indígena de origem maia. Além disso, nos interessou compreender essa produção discursiva como expressão da etnicidade indígena zapatista, levando em consideração os seus processos de produção e enunciação e a operacionalização dos ―sinais diacríticos da identidade étnica‖ nos contextos interrelacionais desses sujeitos com o Estado e a sociedade civil mexicana. Nossa análise documental privilegiou os contos e histórias publicadas entre os anos de 1994 e 1998.por
dcterms.creatorVITALI, M. A.
dcterms.issued2014-08-06
dcterms.subjectEZLNpor
dcterms.subjectmovimento zapatistapor
dcterms.subjectViejo Antoniopor
dcterms.subjectidentidades étnicapor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Históriapor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.publisher.courseMestrado em Históriapor
dc.contributor.refereeBITTENCOURT, L. B.
dc.contributor.refereeRIBEIRO, L. C. M.
Aparece nas coleções:PPGHIS - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_5863_Dissertação (Marcela Vitali) versão final.pdf1.8 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.