Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3577
Título: Delimitação da área de influência direta de hipermercado utilizando diferentes modais : o caso do Carrefour Vitória
Autor(es): Tavares, Jonivane
Orientador: Faé, Maria Inês
Data do documento: 4-Ago-2011
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: As metodologias de delimitação da Área de Influência Direta (AID) de Polos Geradores de Viagens (PGV) são em sua maioria direcionadas ao estudo de shopping centers e, normalmente, consideram os deslocamentos realizados por clientes em automóveis. Este trabalho, por sua vez, tem como objetivo aplicar uma metodologia visando à determinação da área de influência direta de um empreendimento do setor supermercadista, considerando diferentes modos de transporte. Para tanto, realizou-se um estudo de caso para o Hipermercado Carrefour Vitória e, dentre as diversas metodologias encontradas na literatura, adaptou-se metodologia proposta por Corrêa (1998), originalmente direcionada para shopping center. Os dados utilizados na pesquisa foram provenientes de entrevistas aos clientes que acessam o hipermercado, também foi utilizada como fonte a pesquisa do tipo origem e destino, realizadas em 2009, na Região Metropolitana da Grande Vitória (RMGV), Espírito Santo. Este estudo compreende os dados de zoneamento urbano de cidades pertencentes à RMGV. Para processar os dados e delimitar as áreas de influência para os diferentes modais foi utilizado o ArcGIS 9.3. A partir da comparação dos resultados obtidos na aplicação da metodologia de Corrêa (1998) e da metodologia adaptada foi possível constatar que a utilização da porcentagem de clientes para definir os limites da AID de hipermercados foi satisfatória, uma vez que a acumulação de clientes foi maior na área de influência resultante da metodologia adaptada. Com relação às características dos deslocamentos dos clientes, foi possível perceber que as mulheres são predominantes entre os clientes que acessam o polo na área de influência. Verificou-se também que os homens acessam mais o polo por meio de automóvel, enquanto as mulheres o acessam mais a pé ou utilizando ônibus. De modo geral, percebe-se que os bairros ao sul e a oeste, localizados no entorno imediato e que margeiam os principais acessos ao pólo, são os que concentram o maior número de clientes. Através da regressão linear foi possível verificar que a variável tempo de deslocamento, quando usada como critério para determinação da AID, demonstrou resultados mais significativos que a distância da origem do cliente ao polo. Ressalta-se também que a simplificação metodológica encontrada pode facilitar estudos em locais com pouca disponibilidade de dados.
The methods of area delimitation affected by Poles Generators of Travels (PGT) are generally concerned to shopping centers, whose customers access the pole by car. This work, in turn, aims to adapt one of these methodologies to the supermarket sector, considering different modes of transport. Correa´s (1998) methodology was adjusted to a case study in the Carrefour hypermarket Vitoria. The data used was obtained through interviews to the hypermarket customers, and complemented by the origin and destination data held in 2009 in the Metropolitan Region of Great Vitoria (GVMR), Espirito Santo. The Geographic Informations System ArcGIS 9.3 was used to determine the areas of influence of the hypermarket for customers using car, bus or accessing the pole by foot. The results obtained using the adapted methodology show that the percentage of customers inside the limits of the area of influence of the hypermarket was satisfactory, since it embraces a number of customers higher than the results obtained by Correa´s (1998) methodology. As regards the customer´s characteristics, women are predominant among the clients, they access the pole on foot or by bus, while men mainly use the car. A high amount of customers come from the South and West neighborhoods. In the determination of the areas of influence of the hypermarket, linear regression results showed that the time variable spent by the clients between their origin and the pole is more significant than the distance. The adapted methodology is likely to suit other studies with data availability limitations.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3577
Aparece nas coleções:PPGGEO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_5025_Dissertacao_Jonivane.pdf6.73 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.