Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3688
Título: Interioridade e Exterioridade: um Estudo da Obra 'a Subida do Monte Carmelo' de João da Cruz.
Autor(es): SANSON JUNIOR, J. S.
Orientador: BARREIRA, M. M.
Palavras-chave: João da Cruz
Monte Carmelo
Interioridade
Exterioridade
Data do documento: 3-Mai-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SANSON JUNIOR, J. S., Interioridade e Exterioridade: um Estudo da Obra 'a Subida do Monte Carmelo' de João da Cruz.
Resumo: Empreende-se um estudo sobre o tema da interioridade na obraA Subida do Monte Carmelo. Faz-se perceptível que João da Cruz trabalha com fins a uma reelaboração conceitual. Ele tece várias críticas a práticas e ensinamentos vigentes em seu entorno imediato, que são registrados ao efeito de se promover um itinerário explanado pela simbólica de uma escalada noturna. As categorias teóricas que sustentam sua formulação portam articulações que explicitamos nos termos do binômio interioridade-exterioridade. As relações que lhe são constitutivas, tendo em consideração uma linha hermenêutica desenvolvida para a leitura dos escritos, reverberam na análise antropológica acerca das três faculdades da alma e de seus vínculos com as virtudes teologais. O autor explora vários pontos que o situam na herança de uma tradição mística, e dialoga com bases epistemológicas diversas como a teologia e a filosofia. Em função de relevos que distinguem seus traços de originalidade, concluímos haver uma concepção joãocruciana de interioridade. Palavras-chaves:João da Cruz; Monte Carmelo; Interioridade; Exterioridade; Mística.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3688
Aparece nas coleções:PPGFIL - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_9828_Dissertação-Jacir-Sanson.PDF1.26 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.