Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3727
Título: O PROCESSO TRADUTÓRIO NA PERSPECTIVA DA RETEXTUALIZAÇÃO E SUA ABORDAGEM NO ENSINO DE INGLÊS COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA.
Autor(es): CASTRO, M. C.
Orientador: FILGUEIRAS, L. V. P.; DEPAULA, L.
CURRIE, K. L.
Palavras-chave: ensino de língua estrangeira e tradução
textualidade
Data do documento: 26-Out-2010
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: CASTRO, M. C., O PROCESSO TRADUTÓRIO NA PERSPECTIVA DA RETEXTUALIZAÇÃO E SUA ABORDAGEM NO ENSINO DE INGLÊS COMO LÍNGUA ESTRANGEIRA.
Resumo: Esta pesquisa tem como objetivo geral fazer uma reflexão sobre o ato tradutório considerado como Retextualização. Pretendemos discutir a atividade de traduzir enquanto (re)produção textual, ou seja, produção de um novo/mesmo texto que se originou de uma língua diferente e reconhecer e examinar os fatores de textualidade que contribuíram para o processo de tradução. A partir dessa busca, concretizaremos o que consideramos ser o objetivo central deste trabalho: analisar a pertinência da abordagem desses textos traduzidos e a implicação que a tradução pode exercer sobre o entendimento do texto na sala de aula de língua inglesa e em relação ao público alvo que, nesta pesquisa, serão os estudantes de língua inglesa do Ensino Médio. Esta é uma abordagem da atividade tradutória que utiliza elementos da Linguística Textual, já que não se traduzem palavras isoladas, e, sim, textos. Então, trata-se de uma análise textual, com suas fases de produção e, onsequentemente, de coprodução. Para essa análise, procurou-se a abordagem de um conjunto de textos com finalidades didáticas que originalmente estão escritos em inglês e traduzidos para o português brasileiro; e recorreu-se aos fatores de textualização propostos por Beaugrande e Dressler como critérios definidores de textualidade e, também, aos componentes pragmáticos para ampliar as análises. Assim, a intenção principal desse trabalho é investigar e apontar quais mecanismos textuais são determinantes nas escolhas feitas pelo tradutor e, consequentemente, como a escolha vocabular pode interferir na função que esses mecanismos desempenham para entender sua implicação no ensino de língua inglesa.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3727
Aparece nas coleções:PPGEL - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_4295_DISSERTAÇÃO Mayelli Caldas de Castro.pdf4.58 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.