Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3842
Título: Revisão de Miobantia Giglio-Tos (Mantodea, Thespidae, Miopterynae), com associação molecular de sexos dimórficos e estágios imaturos, e descrição de quatro espécies novas
Autor(es): Araújo, Marcus Vinícius Scherrer de
Orientador: Aguiar, Alexandre Pires
Data do documento: 27-Fev-2013
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: O gênero neotropical de louva-a-deus Miobantia Giglio-Tos inclui seis espécies com uma história taxonômica complexa. Embora freqüentemente encontradas na Mata Atlântica, pouco se sabe sobre elas e alguns obstáculos tornam difícil identificá-las, como o dimorfismo sexual elevado e o conhecimento de ambos os sexos para apenas uma das seis espécies. Este trabalho investiga os limites taxonômicos das espécies de Miobantia através de uma análise cladística, utilizando 99 caracteres morfológicos, além de seqüenciamento de 700 pb do gene mitocondrial COI para a associação de sexos dimórficos e ninfas. A variação intra-específica é também investigada a partir de um grande número de espécimes de M. fuscata (Giglio-Tos) para escolher características mais relevantes para a separação das espécies a serem utilizados nos comentários taxonómicos e nas chaves de identificação. O macho de M. aptera Giglio-Tos, e as fêmeas de M. ciliata (Stål) e M. fuscata são descritos pela primeira vez, e são fornecidas redescrições dos machos destas e da fêmea de M. aptera com base em numerosos dados complementares. Miobantia nebulosa (Giglio-Tos) é proposta como sinônimo júnior de M. rustica (Fabr.), com base na comparação entre seus tipos, incluindo a investigação de genitália masculina, e a espécie é redescrita. Adicionalmente, quatro novas espécies são aqui descritas: M. sp. nov. 1 sp. nov., M. sp. nov. 2 sp. nov., M. sp. nov. 3 sp. nov., e M. sp. nov. 4 sp. nov.; ambos os sexos são descritos, com exceção apenas para o macho de M. sp. nov. 2. Chaves de identificação são fornecidas para machos e fêmeas das espécies válidas, e figuras das características diagnósticas são fornecidas para todos eles. A distribuição das espécies é mapeada de acordo com dados da literatura e 50 novos registros.
The Neotropical praying mantis genus Miobantia Giglio-Tos includes six species with a complex taxonomic history. Although frequently found in the Atlantic Forest, little is known about these species and some obstacles make it difficult identifying these mantids, as the high sexual dimorphism and both sexes known only to one of the six species. This work investigates the taxonomic limits of the species of Miobantia through a cladistic analysis using 99 morphological characters, and sequencing of 700 bp of the mithocondrial gene COI for association of dimorphic sexes and nymphs. An investigation of intraspecific variation is also conducted based on a large number of specimens of M. fuscata (Giglio-Tos) to choose more relevant features for separation of the species to be used in taxonomic comments and identification keys. The male of M. aptera Giglio-Tos, and the females of M. ciliata (Stål) and M. fuscata are described for the first time, and redescription of the males of these and the female of M. aptera are provided based on much complementary data. Miobantianebulosa (Giglio-Tos) is proposed as a junior synonym of M. rustica (Fabr.), based on comparison of the types, including investigation of the male genitalia, and the species is redescribed. Additionally, four new species are here described: M. sp. nov. 1 sp. nov., M. sp. nov. 2 sp. nov., M. sp. nov. 3 sp. nov., and M. sp. nov. 4 sp. nov.; both sexes are described, except only for the male of M. sp. nov. 2. Identification keys are provided for males and females of all valid species, and figures of diagnostic features are provided for all of them. The species distribution is mapped according to literature data and 50 new records
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3842
Aparece nas coleções:PPGBAN - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_6336_.pdf469.15 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.