Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3846
Título: Segregação de recursos por diferentes espécies de morcegos (Mammalia: Chiroptera) na Reserva Biológica de Sooretama
Autor(es): PIMENTA, V. T.
Orientador: DITCHFIELD, A. D.
Data do documento: 22-Mar-2013
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: PIMENTA, V. T., Segregação de recursos por diferentes espécies de morcegos (Mammalia: Chiroptera) na Reserva Biológica de Sooretama
Resumo: Em ecologia, uma das ideias mais importantes é o princípio da exclusão competitiva, ou Lei de Gause, que afirma que duas espécies competindo pelos mesmos recursos não podem coexistir de modo estável se todos os outros fatores ecológicos forem constantes. Um dos competidores vai sobrepor-se ao outro, levando a um deslocamento evolutivo, morfológico ou comportamental, a um nicho ecológico diferente, ou mesmo à extinção. O horário de atividade diferenciado pode ser um importante fator para evitar competição por espécies proximamente relacionas, sendo assim motivo de interesse nos estudos de exclusão competitiva. O ciclo lunar é importante fator modulador de mamíferos noturnos, podendo também exercer influência na partilha de recursos, onde espécies relacionadas podem responder de diferentes maneiras à iluminação lunar. Analisar as diferenças no horário de atividade de espécies próximas de morcegos trará respostas sobre como uma comunidade partilha a disponibilidade de alimento sobre o critério de tempo. O objetivo foi testar a hipótese de que espécies próximas de morcegos usam o horário de atividade como fator de segregação de recursos. O estudo se deu na Reserva Biológica de Sooretama, importante fragmento de Mata Atlântica ombrófila densa localizada numa região plana no norte do estado do Espírito Santo. A hipótese foi descartada para os grupos de morcegos frugívoros, em análises intra e intergenéricas. Porém, para grupos de insetívoros e nectarívoros, a hipótese de segregação de recursos pelo variável tempo foi sustentada por todos os testes e análises, levando a crer que seja um fator importante nesses grupos.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3846
Aparece nas coleções:PPGBAN - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_6382_.pdf699 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.