Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3875
Título: Impactos da urbanização sobre a qualidade da água freática em áreas de Vitória, ES
Autor(es): Zavoudakis, Elene
Orientador: Addad, João Eduardo
Data do documento: 14-Fev-2007
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: As características químicas das águas de subsuperfície refletem os meios por onde percolam, guardando uma estreita relação com os tipos de rochas drenadas e com os produtos das atividades humanas adquiridos ao longo de seu trajeto, o que torna possível estabelecer relações entre o meio natural e o antrópico. A presente pesquisa foi desenvolvida no município de Vitória, ES. Foi analisado o processo de expansão da cidade, que ocorreu principalmente por meio da execução de obras de aterro, para seleção das áreas de estudo. Foram avaliados os impactos das ações antropogênicas sobre a qualidade das águas subterrâneas do lençol freático destas áreas. Para a caracterização hidroquímica, foram amostrados 26 pontos, em duas campanhas distintas, sendo que na última também foram avaliados parâmetros dos solos de interface zona insaturada-saturada. Para as águas, foram analisados os parâmetros físico-químicos (temperatura, pH, condutividade elétrica, DQO, amônia, nitrito, nitrato, dureza, fenóis, óleos e graxas), os íons principais (Na+, K+, Ca++, Mg++, Cl-, SO4-2 e HCO3-), os teores de metais (Fe, Mn, Cd, Pb, Cu, Cr, Ni, Zn), além de índices de coliformes termotolerantes. Para os solos, foram avaliadas as concentrações dos metais citados, os teores de matéria orgânica e de umidade, além de ter sido efetuada análise tátil-visual da composição dos solos analisados, para subsidiar a análise das interferências antrópicas na urbe. Foi aplicada análise estatística aos dados obtidos no estudo de qualidade da água usando os softwares SPSS versão 8.0, Statistica versão 6.0 e Minitab 13.20, por meio dos seguintes métodos: Análise Estatística Descritiva, Correlações de Pearson e Análise Fatorial, respectivamente. Também foi feita classificação hidroquímica de Piper utilizando o software Qualigraf. O estudo propiciou a constituição de um primeiro banco de dados acerca da qualidade da água freática do município. Os resultados demonstraram que além dos ambientes e fatores naturais, como dissolução de rochas e intrusão salina, as áreas de estudo refletiram também o impacto da ação humana na água subterrânea por meio dos parâmetros analisados de solo e de água freática.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3875
Aparece nas coleções:PPGEA - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_2634_Dissertacao_2007_Elene_Zavoudakis.pdf.pdf6.3 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.