Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3999
Título: Modelo matemático para planejamento da atracação de navios de granel considerando o cálculo de prêmio e multa
Autor(es): Vervloet, Hugo Leonardo Louzada
Orientador: Rosa, Rodrigo de Alvarenga
Data do documento: 21-Ago-2015
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: VERVLOET, H. L. L., MODELO MATEMÁTICO PARA PLANEJAMENTO DA ATRACAÇÃO DE NAVIOS DE GRANEL CONSIDERANDO O CÁLCULO DE PRÊMIO E MULTA
Resumo: "O crescimento da demanda mundial por produtos com custos cada vez menores, está diretamente relacionada à aquisição das matérias primas, independentemente de onde sejam ofertadas, mas que apresentem o menor custo final possível, de modo a viabilizar a competitividade das empresas ao redor do mundo, inclusive no Brasil. Nesse cenário, o comércio mundial utiliza em grande parte o transporte marítimo, e para movimentar essas matérias primas, os portos se tornam cada vez mais exigidos, visto o aumento da representatividade do custo logístico no custo total dos produtos. Os portos dedicados à movimentação de navios graneleiros são influenciados diretamente pelas regras do contrato de locação de navio, conhecido como contrato de Charter Party. Este contrato define as regas e valores para prêmio e multa, utilizados para verificar a aderência na execução das operações portuárias, como mecanismo para gerar maior comprometimento dos portos no atendimento aos navios e na movimentação das cargas. Portanto, no contexto analisado, é importante disponibilizar aos portos uma ferramenta que busque maximizar a relação entre o prêmio recebido e a multa paga. Vale ressaltar que na literatura cientifica pesquisada não foram localizados estudos que solucionem o Problema de Alocação de Berços (PAB) a partir de uma abordagem financeira de prêmio e multa. Esta dissertação tem por objetivo propor um modelo matemático aplicado para o planejamento da atracação de navios em contrato Charter Party, visando o aumento do recebimento de prêmio e redução do pagamento de multa pelo porto, em função do tempo total em que os navios permaneceram à disponibilidade do porto para operação. Instâncias foram desenvolvidas tendo como base as características operacionais do Porto de Tubarão e aplicadas no CPLEX 12.6, cujos resultados mostram a eficiência da aplicabilidade desta ferramenta em portos reais, desde o suporte na programação da sequencia de atracação dos navios à tomada de decisão em projetos de investimento. Palavras-chave: Problema de Alocação de Berço (PAB), Charter Party, Logística Portuária, Portos Graneleiros. "
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/3999
Aparece nas coleções:PPGEC - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_9440_Hugo Vervloet.pdf1.03 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.