Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4089
Título: Simulação Microscópica Distribuída de Tráfego
Autor(es): BRAMBILA, LUCIANO MAGNO
Orientador: SCHNEEBELI, H. J. A.
Palavras-chave: Simulação (Computadores)
Controle do tráfego
Data do documento: 17-Nov-2008
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: LUCIANO MAGNO BRAMBILA, Simulação Microscópica Distribuída de Tráfego
Resumo: A maioria das grandes cidades do mundo enfrenta problemas de tráfego. Na busca de soluções para os problemas do tráfego surge, como poderosa ferramenta, a simulação, que utiliza técnicas matemáticas, computacionais e estatísticas para representar o tráfego. Modelos de simulação de tráfego podem ser classificados de várias formas. A mais utilizada é quanto ao nível de detalhes com que os modelos representam o mundo real e quanto à maneira como o comportamento dos veículos é reproduzido. Seguindo esta classificação, os modelos podem ser macro, meso ou microscópicos. Modelos microscópicos simulam as entidades do sistema individualmente e com um alto nível de detalhes. Cada par veículo-motorista tem um comportamento próprio e é um componente ativo na simulação. Não somente veículos e motoristas são modelados, mas qualquer outra entidade que possa influenciar no tráfego, como controladores de tráfego, trechos específicos de pistas e incidentes. Modelar o tráfego no nível microscópico representa hoje o estado da arte para os simuladores de tráfego. Quanto mais completo um modelo (as características microscópicas do tráfego são consideradas), mais realista será a simulação. Por outro lado, maior é o esforço computacional necessário para sua execução. Alguns simuladores microscópicos requerem computadores de grande desempenho ou supercomputadores e, conseqüentemente, têm um alto custo. A alternativa ao uso de supercomputadores é a utilização da computação distribuída. Um ambiente distribuído permite que o programa de simulação seja executado em múltiplos processadores de forma paralela e assim obtenha ganhos de desempenho. Usar um ambiente distribuído requer uma estratégia de divisão das tarefas entre processadores e uma solução para sincronizar a execução dessas tarefas. Este trabalho tem como objetivo identificar e implementar uma solução para a execução de um simulador microscópico de tráfego em um ambiente distribuído, disponibilizando uma alternativa de baixo custo para estudo do tráfego.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4089
Aparece nas coleções:PPGEE - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_2851_DissertacaoMestradoLucianoMagnoBrambila.pdf845.67 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.