Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4444
Título: As TVs universitárias no contexto das indústrias culturais e midiáticas :o desafio conceitual e a busca de um modelo
Autor(es): Dias, Ana Paula Vieira de Souza
Orientador: Rebouças, José Edgard
Data do documento: 28-Mar-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Este trabalho pretende mostrar a importância da TV Universitária do ponto de vista da garantia de direitos, quais sejam, o direito à informação, à comunicação e à educação, e do ponto de vista social, enquanto instância que pode contribuir para a democratização da comunicação e para a constituição da cidadania ativa dos indivíduos. Sendo assim, considerando que a TV Universitária é um veículo de comunicação instituído no âmbito de uma instituição de Educação, a proposta é analisá-la situada na interface dessas duas áreas: Comunicação e Educação, entendidas sob a perspectiva da Educomunicação. Esta perspectiva é a oposta do que aqui se chama mídia comercial, ou seja, aquela que está preocupada unicamente com o lucro gerado pelos veículos. Tendo em vista esse paradoxo e a TV Universitária como objeto de estudo inserido neste contexto, chega-se, então, à seguinte problematização: como a TV Universitária pode se constituir em um modelo de contraponto à televisão comercial característica das Indústrias Culturais e Midiáticas? A partir dessa discussão, o objetivo geral da pesquisa é compreender a TV Universitária em sua totalidade, esclarecendo sua constituição legal, administrativa, financeira e as lógicas que a regem, a fim de explicar a sua forma de atuação e buscar modelos possíveis para sua constituição enquanto televisão de vocação pública, comprometida com os valores da Educomunicação e a promoção da cidadania. O trabalho situa-se na linha de pesquisa ―Comunicação e Poder‖, do mestrado em Comunicação e Territorialidades da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), na medida em que propõe uma análise de um tipo de dispositivo midiáticocomunicacional, observando de que forma ele impacta o contexto social, econômico e político em que está inserido. Para tal, o método utilizado é o estudo de caso de seis televisões universitárias de universidades federais, tendo como ferramentas o levantamento bibliográfico, questionários respondidos por gestores das TVs selecionadas, análises de exemplos, de dados e de documentos coletados. Adota-se a perspectiva crítica, a partir do referencial teórico da Escola de Frankfurt, da Economia Política da Comunicação e da Educomunicação. Ao final, conclui-se que a falta de um modelo e de um projeto de TV Universitária prejudicam a sua consolidação. Neste sentido, são apontadas algumas indicações de modelos possíveis para a constituição das TVs Universitárias de forma que elas possam expandir seu potencial de atuação.
This work aims to show the importance of University TV from the point of view of the guarantee of rights, like the right to information, communication and education, and social point of view, as the body that can contribute to the democratization of communication and for the formation of active citizenship of individuals. Thus, considering that the University TV is a communication vehicle set up as part of an institution of education, the proposal is to analyze it located at the interface of these two areas: Communication and Education, understood from the perspective of Educommunication. This approach is the opposite of what here is called commercial media, that is only concerned with the profit generated by vehicles. Given this paradox and TV University as study object inserted in this context, comes up the following questioning: how the University TV can be on a commercial television feature counterpoint model of cultural and media industries? From this discussion, the general objective of the research is to understand the University TV in its entirety, clarifying their legal constitution, administrative, financial and logical that govern it in order to explain their way of working and seeking possible models for its constitution while publica television, committed to the values of Educommunication and promotion of citizenship. The work is in the line of research "Communication and Power", at the Master in Communication and Territorialities of the Federal University of Espírito Santo (Ufes), that proposes an analysis of a kind of media-communication device, noting that way it impacts the social, economic and political context in which it appears. To this end, the method used is the case study of six university TVs of federal universities, using literature, questionnaires answered by the managers of the selected TVs, sample analysis, data and documents collected. Adopt a critical perspective, from the theoretical framework of the Frankfurt School, the Political Economy of Communication and Educommunication. Finally, it is concluded that the lack of a model and a University TV project harms its consolidation. In this sense, we point out some indications of possible models for the establishment of University TVs so that they can expand their potential performance.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4444
Aparece nas coleções:POSCOM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_9625_VERSÃO FINAL-Ana Paula Vieira de Souza Dias-OK.pdf1.86 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.