Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4649
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorLelis, Maria de Fátima Fontes-
dc.date.accessioned2016-08-29T15:35:24Z-
dc.date.available2016-07-11-
dc.date.available2016-08-29T15:35:24Z-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/4649-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.subjectÁgua produzida-
dc.titleDegradação de compostos aromáticos presentes em água produzida através de sistema Fenton heterogêneo utilizando óxidos de ferro natural e sintéticopor
dc.typemasterThesisen
dc.subject.udc54-
dc.subject.br-rjbnMagnetita-
dc.subject.br-rjbnCompostos aromáticos-
dc.subject.br-rjbnPetróleo-
dcterms.abstractA água produzida (AP) é um efluente da indústria petrolífera que se destaca por ser o sub-produto gerado em maior quantidade e pelo seu grande potencial tóxico. Os riscos ambientais associados à AP podem variar em função da sua composição, e antes de ser descartada ou reutilizada terá de passar por tratamentos eficazes de modo a se enquadrar na legislação vigente, tendo em vista o destino que lhe será dado. Este trabalho teve como objetivo propor um tratamento na AP do campo de Jubarte-ES visando a redução dos compostos aromáticos através de um sistema foto-Fenton e Fenton heterogêneo utilizando magnetitas sintética dopada com titânio e um solo argiloso, rico em ferro, coletado na Região da Grande Vitória-ES em substituição ao ferro solúvel, com o objetivo principal de minimizar a geração de lodo. As magnetitas com diferentes graus de substituição isomórfica pelo titânio foram caracterizadas por análises químicas (Fe2+, Fe3+, Ti4+), Difração de Raios-X e Espectroscopia Mossbauer, enquanto que o solo foi caracterizado por análise química, análise granulométrica, Difração de Raios-X e Espectroscopia Mossbauer. A AP foi caracterizada por: pH, condutividade, salinidade, turbidez, fenóis totais e compostos aromáticos por espectrofotometria de varredura em ultravioleta (UV). Os resultados mostraram que o aumento de Ti4+ na estrutura da magnetita aumenta a atividade catalítica do material. Testes preliminares mostraram que a presença de sal inibe a reação de Fenton e foto-Fenton. O processo mostrou-se bastante eficaz, obtendo-se remoções significativas de 92,5 % para o fenol utilizando reação foto-Fenton com a titanomagnetita de maior grau de dopagem com titânio e 78% utilizando reação foto-Fenton com o solo argiloso, após 60 minutos de reação. A intensidade dos espectros UV da AP diminuíram consideravelmente, indicando qualitativamente a redução dos compostos aromáticos através da reação Fenton heterogêneo.por
dcterms.abstractThe water produced (AP) is the wastewater of the oil industry that stands out for being the by-product generated in greater quantity and for its high toxic potential. Environmental risks associated with the AP may vary depending on their composition, and before being discarded or reused it must receive effective treatments to fit in the existing legislation, according to the destination that it will be given. This work aimed to propose a treatment in the Jubarte AP-ES field aiming the reduction of aromatic compounds through photo-Fenton and Fenton heterogeneous using synthetic magnetite doped with titanium and a clay soil rich in iron, collected in the Greater Vitória-ES Region, to replace the soluble iron, with the main objective of minimizing the generation of sludge. The magnetite with different degrees of substitution by isomorphic titanium were characterized by chemical analyses (Fe 2+, Fe3+, Ti 4+), X-ray diffraction and Mössbauer spectroscopy, while the soil was characterized by chemical analysis, size, X-ray diffraction and Mössbauer spectroscopy. The AP was characterized by: pH, conductivity, salinity, turbidity, total phenols and aromatic compounds by scanning spectrophotometry in ultraviolet (UV). The results showed that the increase of Ti4 + in the structure of magnetite increases the catalytic activity of the material. Preliminary tests showed that the presence of salt inhibits the reaction of Fenton and photo-Fenton. The process proved to be quite effective, resulting in significant removals of 92.5% for phenolic compounds using photo-Fenton reaction with titanomagnetita the degree of doping with titanium and 78% using photo-Fenton reaction with the clay soil after 60 minutes of reaction. The intensity of UV spectra of AP decreased significantly, indicating qualitatively the reduction of aromatic compounds by heterogeneous Fenton reaction.eng
dcterms.creatorPereira, Júlia Raquel Peterle-
dcterms.formatText-
dcterms.issued2009-07-03-
dcterms.languagepor-
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Químicapor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.subject.cnpqQuímica-
dc.publisher.courseMestrado em Químicapor
dc.contributor.refereeSena, Denise Rocco de-
dc.contributor.refereeCastro, Eustáquio Vinícius Ribeiro de-
Aparece nas coleções:PPGQUI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_3740_Julia Raquel Peterle Pereira.pdf3.06 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.