Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4896
Título: Métodos de Manejo de Insetos Vetores de Viroses e Broqueadores de Tomate (Lycopersicon esculentum Miller)
Autor(es): Grecco, Eduardo Domingos
Orientador: Pratissoli, Dirceu
Coorientador: Zago, Hugo Bolsoni
Data do documento: 18-Mar-2014
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: GRECCO, Eduardo Domingos. Métodos de manejo de insetos vetores de viroses e broqueadores de tomate (Lycopersicon esculentum Miller). 2014. 64 f. Tese (Doutorado em Produção Vegetal) - Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Ciências Agrárias.
Resumo: O tomateiro, Lycopersicon esculentum é uma solanácea com benefícios socioeconômicos, porém a implantação de sua cultura é considerada de alto risco, devido à ocorrência de importantes pragas, como insetos vetores de viroses e broqueadores de frutos. Portanto, o objetivo deste estudo foi testar a eficiência do uso de armadilhas de cor amarela para captura e melhor densidade de armadilha/plantas para insetos vetores de viroses; testar a associação de diferentes métodos para broqueadores de frutos, tais como o uso de T. pretiosum; bactéria entomopatogênica (Agree); ensacamento de pencas e Manejo Fitossanitário de Pragas, avaliando a infestação de ovos/lagartas de N. elegantalis e de H. zea, bem como de frutos brocados. O monitoramento foi realizado 2 vezes/semana em 1% da cultura e pulverizações com inseticidas químicos ou biológicos realizadas quando atingisse o nível de controle. Os dados foram submetidos ao teste de normalidade Shapiro-Wilk (P≤0,05) e posteriormente submetidos à comparação pelo teste não paramétrico Mann-Whitney (P≤0,05). O uso de armadilhas de cor amarela para insetos vetores de viroses possibilitou uma redução de 90% do custo de aplicação para as safras 2011 e 2012. A melhor densidade foi de 1 armadilha de cor amarela/60 plantas. Para o manejo dos broqueadores o uso de associações reduziu as infestações, pulverizações e número de frutos brocados que podem estar associadas ao correto manejo do tomateiro que com o emprego dessas técnicas propiciou uma redução de inseticidas químicos. Todas as táticas de associações mostraram ter uma maior eficiência, no manejo dos broqueadores de tomate, quando comparados com o convencional. O monitoramento é a peça fundamental no Manejo Fitossanitário de Pragas, pois através dele se conhece o nível populacional das pragas, além de informar se as táticas de manejo estão sendo efetivas ou não. Palavras-chave: Insetos vetores de viroses. Broqueadores de tomate. Lycopersicon esculentum. Métodos alternativos
The Lycopersicon esculentum is a solanaceous with socioeconomic benefits, but the deployment of their culture is considered high risk due to the occurrence of major pests such as insect vectors of viruses and fruit borers. Therefore, the aim of this study was to test the efficiency of the use of yellow traps to capture and better density of trap/plants for insect vectors of viruses; test the association of different methods for fruit borers such as the use of Trichogramma pretiosum; Bacillus thuringiensis (Agree); Bagging of fruits and Phytosanitary Pest Management, assessing the infestation of eggs/larvae of Helicoverpa zea and Neoleucinodes elegantalis as well as fruits infested. The monitoring was performed 2 times/week for 1% of the crop and spraying with chemical or biological performed when it reached the level of control insecticides. The data were subjected to the Shapiro-Wilk normality (P≤0.05) test and subsequently underwent compared by Mann-Whitney test (P≤0.05) nonparametric test. The use of yellow traps for insects vectors of viruses provided a 90% reduction in the cost of application for the 2011 and 2012 harvests The best density was yellow trap 1/60 plants. For the management of borers use of combinations reduced infestations, brocades and number of fruits that can be associated with the correct management of tomato that with the use of these techniques led to a reduction of chemical insecticides. All tactics associations have shown greater efficiency in the management of borers tomato, compared with the conventional. Monitoring is a key element in Phytosanitary Pest Management, for through it we know the numbers of the pest, and state whether the management tactics are being effective or not.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4896
Aparece nas coleções:PPGPV - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_7551_Eduardo Domingos Grecco.pdf1.54 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.