Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5327
Título: CITOLOGIA NO ENSINO FUNDAMENTAL: DIFICULDADES E POSSIBILIDADES NA PRODUÇÃO DE SABERES DOCENTES
Autor(es): NASCIMENTO, J. V.
Orientador: MANCINI, K. C.
Coorientador: LOCATELLI, A. B.
Data do documento: 23-Mar-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: NASCIMENTO, J. V., CITOLOGIA NO ENSINO FUNDAMENTAL: DIFICULDADES E POSSIBILIDADES NA PRODUÇÃO DE SABERES DOCENTES
Resumo: Essa pesquisa teve como objetivo investigar o Ensino de Citologia e os saberes docentes mobilizados durante a abordagem deste conteúdo, em Escolas de Ensino Fundamental, no município de São Mateus-ES. Além disso, discutimos possibilidades para a contextualização do conteúdo célula, como alternativa para melhor compreensão de conceitos que são abstratos e de difícil entendimento por parte dos alunos, através da percepção desta estrutura como unidade funcional dos seres vivos. Para tanto, utilizamos as perspectivas teóricas de Gauthier e Tardif, que discutem os saberes que são mobilizados na ação pedagógica e de Pimenta em suas afirmações sobre a importância da realização de pesquisas com os profissionais nos contextos escolares e não sobre eles. A pesquisa foi organizada em três etapas: 1 - levantamento das metodologias utilizadas, em 12 escolas da rede municipal, estadual e privada; 2 - socialização de alternativas para ensino contextualizado de célula, através da realização de uma oficina de atualização pedagógica e 3 - realização de projeto de intervenção desenvolvido em uma escola municipal. Teve como instrumentos de apreensão e produção de dados a aplicação de questionários, registro em diário de campo e entrevista semiestruturada. A análise dos dados aponta que os saberes curriculares exercem grande influência na determinação do ensino de Citologia descontextualizado e restrito à introdução de conteúdos biológicos. A parceria Universidade e Escola constitui uma alternativa para suprir a carência de equipamentos para realização de aulas de microscopia. O ensino de célula pode ser contextualizado, resultando em uma melhor aprendizagem quando este conteúdo é relacionado a outros temas biológicos. A intervenção possibilitou a identificação de saberes mobilizados durante a ação docente, e sua reelaboração a partir da reflexão na e com a prática.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5327
Aparece nas coleções:PPGEEB – Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_9678_DISSERTACAO JANE VICTAL DO NASCIMENTO.pdf4.02 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.