Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5395
Título: Trabalhadores de saúde no SUS : vínculos frágeis? implicações complexas?
Autor(es): Espindula, Karina Daleprani
Orientador: Lima, Rita de Cássia Duarte
Palavras-chave: Programa Saúde da Família
Pessoal de saúde
Condições de trabalho
Políticas, planejamento e administração em saúde
Family health program
Health professionals
Work conditions
Policies, planning and Health Management
Data do documento: 12-Ago-2008
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esta pesquisa procura identificar as estratégias adotadas pelo município de Vitória/ES para fazer frente ao processo de desprecarização dos vínculos de trabalho dos enfermeiros e médicos das equipes de saúde da família, bem como caracterizar o perfil desses profissionais; analisar as modalidades e as formas de inserção na ESF; analisar o significado dessas mudanças em seu processo de trabalho; e analisar a satisfação desses trabalhadores em relação ao trabalho realizado. Adota uma metodologia de abordagem qualitativa que utiliza o estudo exploratório e documental. Trabalha com dados levantados no período de novembro de 2007 a janeiro de 2008, por meio de entrevistas com os profissionais da Estratégia Saúde da Família. Emprega a técnica de Análise do Discurso do Sujeito Coletivo na tabulação e organização dos dados. Para interpretá-los faz uso da estratégia de Análise de Conteúdo. Observa de forma geral, que o município de Vitória avançou em alguns aspectos relacionados à desprecarização dos vínculos de trabalho, principalmente em relação à realização de concursos públicos, que possibilitaram a efetivação dos trabalhadores da ESF. Também destaca a implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos para os profissionais da saúde e de ações voltadas para a capacitação e treinamento, bem como para a reorganização da estrutura administrativa da Secretaria de Saúde, que contemplou à área de Gestão do Trabalho. Evidencia o reconhecimento por parte dos profissionais da importância do vínculo institucional como forma de proporcionar maior motivação e segurança, o que, por sua vez, favorece o desenvolvimento do processo de trabalho como um todo, ou seja, os aspectos relacionados ao vínculo com a comunidade, a realização de um trabalho contínuo e a longo prazo e a construção de um projeto profissional coletivo. Conclui que, apesar de existirem várias ações em andamento, estas ainda não conseguiram organizar o processo de trabalho de forma satisfatória. Identifica alguns pontos de estrangulamento, como as Rodas de Educação Permanente, que ainda não conseguiram alcançar seus objetivos, a Mesa de Negociação, totalmente desconhecida pelos profissionais, e a ineficiência de ações voltadas para o desenvolvimento e valorização de pessoal, o que tem influência direta na organização do modelo de atenção à saúde. As questões levantadas indicam a necessidade de maior interação entre os membros das equipes e da ampliação da participação dos trabalhadores nas questões relacionadas ao desenvolvimento de seu processo de trabalho.
This study aims to identify the strategy adopted by Vitória’s Council located in the Estate of Espírito Santo, Brazil, to face the process of improving the work relationships of nurses and doctors of the family health teams as well as characterize the profile of these professionals, analyzing its modalities and its insertion means in the ESF, the meaning of these changes in these professional’s work process, the level of satisfaction of these workers in relation to the work carried out. It’s an exploratory and documental study that adopts a qualitative approach to work with data collected from ESFs professionals from November 2007 until January 2008 through an interview. The selected technique for data tabulation and organization is The Analysis of Discourse of the Collective Subject, and to interpret data it employs the Content Analysis proposal. As a general conclusion, it can be observed that Vitória has moved forward in some aspects related to the betterment of the working bonds, especially towards the institution of contests for public positions that enable the creation of appropriate bounds for ESFs workers. It also highlights the implementation of the Careers, Positions and Remuneration Strategy for health professionals and of actions directed to the training, qualification and reorganization of the administrative structure of city’s Health Department, therefore contemplating the Work Management Department. This study also reveals health professional’s recognition of the importance of institutional bonds as a way to provide more motivation and security, which favors bonding with community, maintenance of continuous and long term care and the creation of a collective professional goal therefore embracing the work process as a whole. It can be concluded that, although several actions are already in course, these haven’t been able to properly organize the work process. Strangulation points are identified such as permanent education cycles that haven’t managed to reach their goals, negotiation tables that are completely unknown by professionals and the inefficiency of actions focused on development and personal appraisal, all of them having direct influence on the organization of health care structure. Questions raised by this study indicate the need for more interaction between members of ESFs teams and the increase or workers participation on matters related to the development of their own work process.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5395
Aparece nas coleções:PPGASC - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_2571_.pdf3.98 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.