Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5410
Título: Efeitos da Intervenção de Enfermagem-relaxamento no Sistema Imunológico de Mulheres Com Diagnóstico de Câncer de Mama
Autor(es): REPOSSI, C.
Orientador: AMORIM, M. H. C.
Palavras-chave: Neoplasias da mama
Relaxamento
Ansiedade
Imunoglobulina A
Data do documento: 7-Nov-2008
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: REPOSSI, C., Efeitos da Intervenção de Enfermagem-relaxamento no Sistema Imunológico de Mulheres Com Diagnóstico de Câncer de Mama
Resumo: Este estudo avalia os efeitos da intervenção-relaxamento no sistema imunológico de mulheres com diagnóstico de câncer de mama, atendidas no Hospital Santa Rita de Cássia, localizado no município de Vitória, Espírito Santo. A amostra foi composta de 40 mulheres (20 do grupo controle e 20 do grupo experimental). Como parâmetro imunológico foi utilizado o nível de Imunoglobulina A salivar (IgAs). O objetivo do estudo foi examinar a relação entre a IgAs e a utilização da técnica de relaxamento no grupo experimental comparadas com o grupo controle. Busca também examinar as relações dos níveis de IgAs com as variáveis idade, estadiamento do câncer, tabagismo, etilismo, traço e estado de ansiedade, padrão de comportamento para estresse e padrão de comportamento para coping. Para coleta dos dados utilizou-se entrevista com registro em formulário, Inventário de Traço-Estado de Ansiedade (IDATE) e o Instrumento Padrão de Comportamento para Estresse e Padrão de Comportamento para Coping (SCOPE-STRESS/SCOPE-COP). Foi utilizado a técnica de imunoturbidimetria para dosagem dos níveis de IgAs, que foram coletadas no momento do diagnóstico e uma semana depois. Para análise dos dados utilizou-se o SPSS-versão 13.0 (2004). Conclui-se que não houve relação significativa entre os níveis de IgAs dos grupo controle e experimental realizando uma única vez o relaxamento supervisionado. Também não houve relação significativa entre os níveis de IgAs com as variáveis de controle. Houve relação significativa dos sinais vitais quando utilizado a técnica de relaxamento.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5410
Aparece nas coleções:PPGASC - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_3006_2006_CLÁUDIA REPOSSI_DISSERTACAO.pdf1.07 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.