Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5845
Título: Avaliação do potencial anti-helmíntico do extrato etanólico e óleo essencial de Chenopodium ambrosioides L. no controle de Ancylostoma spp. de cães
Autor(es): Monteiro, Jessica Nascimento Moraes
Orientador: Porfírio, Lenir Cardoso
Palavras-chave: Erva-de-santa-maria
Planta medicinal
Óleo essencial
Helmintos
Herb-of-santa-maria
Medicinal plants
Essential oil
Helminths
Data do documento: 10-Dez-2012
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: MONTEIRO, Jessica Nascimento Moraes. Avaliação do potencial anti-helmíntico do extrato etanólico e óleo essencial de Chenopodium ambrosioides L. no controle de Ancylostoma spp. de cães. 2012. 57 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Espírito Santo, Alegre, 2012.
Resumo: Phytotherapy is often used for parasitic diseases controlling in several animal species. This study aimed to evaluate the infective larvae (L3) of Ancylostoma spp. immersed in ethanol extract and Chenopodium ambrosioides L. essential oil in the in vitro test. It was used distilled water (negative control) and albendazole and commercial association of praziquantel, pyrantel pamoate and febantel (positive controls). The ethanol extract of C. ambrosioides L. at concentration of 0.5%, 1.0%, 2.0%, 3.0%, 4.0%, 5.0%, 6.0%, 8.0%, 10.0%, 12.0 % and 20% had insufficient activity to the larvicidal effect. The essential oil at concentration of 150μL.mL-1 was effective against L3. The formulation of a biscuit manipulated with a concentration of 37,5 μL.g-1 of the C. ambrosioides L essential oil reduced the number of eggs per gram of the dogs feces. Twenty-six adult dogs were divided into three groups for in vivo testing: F1 (biscuit without active ingredient), F2 (biscuit with C. ambrosioides L. active principle), F3 (biscuit with allopathic active ingredient). At the CBC, there were significant differences in F1 for values of red blood cells, hematocrit and mean corpuscular hemoglobin concentration (MCHC) and albumin in serum biochemistry. The F2 showed difference in MCHC and in biochemical the serum protein and globulin. The F3, lymphocytes and monocytes values in the blood count and albumin and globulin were different between M1 and M2. At the parasitological exam F1 remained parasitized, while the F2 reduced significantly the infection and F3 showed negative result in M2. It is concluded that the formulation of a biscuit manipulated with C. ambrosioides L essential oil reduced the Ancylostoma spp. infection in naturally infected dogs
A fitoterapia é frequentemente utilizada no controle das parasitoses de diversas espécies animais. Objetivou-se avaliar as larvas infectantes (L3) de Ancylostoma spp. imersas em extrato etanólico e óleo essencial de Chenopodium ambrosioides L. no teste in vitro. Utilizou-se água destilada (controle negativo) e albendazole e associação comercial de praziquantel, pamoato de pirantel e febantel (controles positivos). O extrato etanólico de C. ambrosioides L. nas concentrações 0,5%, 1,0%, 2,0%, 3,0%, 4,0%, 5,0%, 6,0%, 8,0%, 10,0%, 12,0% e 20% apresentaram insuficiente atividade para o efeito larvicida. O óleo essencial na concentração de 150μL.mL-1 foi eficaz contra L3. A formulação de biscoito manipulado com a concentração de 37,5μL.g-1 do óleo essencial C. ambrosioides L reduziu o número de ovos por grama de fezes dos cães. Vinte e seis cães adultos foram dividos em três grupos para o teste in vivo: F1 (biscoito sem princípio ativo), F2 (biscoito com princípio ativo de C. ambrosioides L.), F3 (biscoito com princípio ativo alopático). No hemograma, houve diferença significativa no F1 para os valores de hemácias, hematócrito e concentração de hemoglobina corpuscular média (CHCM) e albumina na bioquímica sérica. O F2 apresentou diferença no CHCM e na bioquímica a proteína sérica e globulina. O F3, os valores para linfócitos e monócitos no hemograma e a albumina e globulina foram diferentes entre o M1 e M2. No exame parasitológico o F1 manteve-se parasitado, enquanto o F2 reduziu de forma significativa a infecção e o F3 apresentou resultado negativo no M2. Conclui-se que a formulação de biscoito manipulado com óleo essencial C. ambrosioides L reduziu a infecção de Ancylostoma spp. em cães naturalmente parasitados
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5845
Aparece nas coleções:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Jessica Nascimento Moraes Monteiro.pdf606.55 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.