Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5848
Título: Prevalência de Ehrlichia canis pela técnica de nested-PCR e correlação com a presença de mórula e trombocitopenia em cães de Alegre-ES
Autor(es): Sales, Mara Rúbia Rocha Pereira
Orientador: Pereira Júnior, Olavo dos Santos
Coorientador: Aptekmann, Karina Preising
Palavras-chave: Ehrlichia canis
Mórulas
Nested-PCR
Trombocitopenia
Ehrlichia canis
Morulae
Nested-PCR
Thrombocytopenia
Data do documento: 26-Jun-2012
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SALES, Mara Rúbia Rocha Pereira. Prevalência de Ehrlichia canis pela técnica de nested-PCR e correlação com a presença de mórula e trombocitopenia em cães de Alegre-ES. 2012. 74 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal do Espírito Santo, Alegre, 2012.
Resumo: The aim of this study was determined by nested-PCR the presence of Ehrlichia canis in dogs located in the municipality of Alegre-ES and evaluate its correlation with morulae and thrombocytopenia. For this purpose blood samples were collected from 85 dogs, regardless of race, age, sex or health status. With these, slides were obtained for the detection of morulae, thrombocytopenia, and execution of nested-PCR technique. We verified a prevalence of 1.17% to investigated the presence of morulae, 5.6% when using the technique of nested-PCR, and was verified that 17.64% of the CBCs were thrombocytopenia. However, only 40% of positive samples by nested-PCR showed thrombocytopenia. The results presented in this study demonstrate that the introduction of molecular diagnostic techniques such as nested-PCR is an important method to aid in the early diagnosis of diseases
Objetivou-se com este estudo determinar por meio da nested-PCR a prevalência da Ehrlichia canis em cães da região de Alegre-ES, e avaliar sua correlação com a presença de mórulas e trombocitopenia. Para isso, foram colhidas amostras sanguíneas de 85 cães, independente de raça, sexo, idade e estado de saúde. Com estas, foram confeccionadas lâminas para a pesquisa de mórulas, trombocitopenia, e execução da técnica de nested-PCR. Foi verificada uma prevalência de 1,17% ao pesquisar a presença de mórulas, 5,6% ao utilizar a técnica da nested-PCR, e foi verificada que 17,64% dos hemogramas apresentavam trombocitopenia. No entanto, somente 40% das amostras positivas pela nested-PCR, apresentaram trombocitopenia. Os resultados apresentados neste estudo demonstram que a introdução de técnicas de diagnóstico molecular como a nested-PCR é um método importante para o auxílio no diagnóstico precoce de patologias
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5848
Aparece nas coleções:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Mara Rubia Rocha Pereira Sales.pdf957.25 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.