Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5937
Título: Análise fenotípica e funcional de células dendríticas e monócitos, em pacientes com tuberculose pulmonar infectados por helmintos intestinais
Autor(es): Silva, Flávia Dias Coelho da
Orientador: Rodrigues, Rodrigo Ribeiro
Palavras-chave: Imunologia
Tuberculose
Helmintíase
Monócitos
Macrófagos
Citocinas
Quimiocinas
Células dendríticas
Imunofenotipagem
Data do documento: 28-Abr-2009
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SILVA, Flávia Dias Coelho da. Análise fenotípica e funcional de células dendríticas e monócitos, em pacientes com tuberculose pulmonar infectados por helmintos intestinais. 2009. 123 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Doenças Infecciosas) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2009.
Resumo: A Tuberculose (TB) ainda é uma ameaça global à humanidade, sem vacina eficaz disponível até momento. Estudos epidemiológicos têm demonstrado que o Mycobacterium tuberculosis (MTB) e os helmintos são coendêmicos em muitas regiões no mundo, e que as coinfecções com esses patógenos são freqüentes. A infecção por helmintos intestinais pode ser um dos fatores de risco para o desenvolvimento da TB pulmonar ativa. Através de marcações fenotípicas e dosagem de citocinas e quimiocinas, pretendemos mostrar que os vermes são capazes de desviar a resposta Th-1 protetora para a Tuberculose para a Th-2 característica nas helmintíases intestinais. Cultura de sangue total para dosagem de citocinas e quimiocinas pela técnica de microesferas marcadas para leitura em citômetro de fluxo, em conjunto com a imunofenotipagem de células dendríticas (DCs) e monócitos/macrófagos através de marcadores extra e intracelulares via citometria, foram utilizadas com o objetivo de se estudar alguns aspectos da imunidade inata em pacientes com TB, com TB e helmintíases intestinais (TB+HELM), com helmintos, e controles saudáveis. Para tal foram avaliados: a) o número e fenótipo de DCs e monócitos/macrófagos do sangue periférico; e b) a produção de citocinas (IL-10, IL-12, TNF- , IL-6 e IL-1 ) e de algumas quimiocinas (CCL2, CCL5, CXCL-8, CXCL9 e CXCL-10) no sobrenadante de cultura de sangue total após estímulo com antígenos de MTB. A análise de células dendríticas e macrófagos circulantes, e a avaliação de citocinas e quimiocinas em pacientes com TB+HELM, nos permite concluir que: a) A maioria das DCs apresentava fenótipo de células imaturas. Entre as células com fenótipo de células maduras, existiam células mDC DC-SIGN+ e pDC CD123+CD40+, fenótipos compatíveis com DCs maduras indutoras de resposta Th-2; b) A maior parte dos macrófagos avaliados estava ativada e expressava DC-SIGN (fenótipo é compatível com macrófagos M2); c) A produção de citocinas mostrou-se significativamente maior para IL-10, TNF-e IL-6, enquanto IL-1teve uma tendência ao aumento. No entanto, os níveis de IL-12 permaneceram semelhantes ao grupo controle; d) Redução significante da produção de CCL-2, tendência à menor produção de CXCL-8 e aumento não significativo de CXCL-10 foram observados, ao passo que quimiocinas CXCL-9 e CCL-5 não foram detectadas. Embora o número de casos estudados não permita uma afirmação conclusiva, as observações admitem a possibilidade de que a infecção com helmintos intestinais em pacientes com tuberculose possa estar interferindo na resposta Th-1 aos antígenos de MTB
The Tuberculosis (TB) remains a global threat to humanity, which no effective vaccine available until now. Epidemiological studies have shown that Mycobacterium tuberculosis (MTB) and helminths are co-endemic in many regions in the world, and that co-infections with these pathogens are frequent. The intestinal helminths infection may be a risk factor to the development of active pulmonary TB. Through phenotypic markings and dosage of cytokines and chemokines, we aimed to show that the worms are capable to deviate the Th-1 response TB protective to the Th-2 response, characteristic in intestinal helminthiasis. Blood culture for cytokines and chemokines dosage was done by the technique of marked microspheres for reading on flow cytometry, in conjunction with immunophenotyping of dendritic cells (DCs) and monocytes / macrophages through extra and intracellular markers by cytometry were used to study some aspects of innate immunity in TB patients, TB and intestinal helminths patients (TB + HELM), patients with helminths, and healthy controls. Were analyzed: a) The number and phenotype of DCs and monocytes/macrophages in peripheral blood, and b) The production of cytokines (IL-10, IL-12, TNF- , IL-6 and IL-1 ) and of some chemokines (CCL2, CCL5, CXCL8, CXCL9 and CXCL10) in the culture supernatant of whole blood after stimulation with MTB antigens. The analysis of circulating dendritic cells and macrophages, and evaluation of cytokines and chemokines in patients with TB + HELM, should us conclude that: a) The majority of DCs were immature cell phenotype. Among the cells with mature cell phenotype, there were cells mDC DC-SIGN + and CD40 + CD123 + pDC, phenotypes consistent with mature DCs to induce Th-2 response; b) Most of the activated macrophages was assessed and expressed DC-SIGN (phenotype compatible with M2 macrophages); c) The production of cytokines was significantly greater for IL-10, TNF-and IL-6, while IL-1had a tendency to increase. However, the levels of IL-12 remained similar to control group; d) significant reduction of the production of CCL-2, a trend to lower production of CXCL-8 and no significant increase of CXCL-10 were observed, whereas the chemokines CXCL CCL-5 and -9 were not detected. Although the number of cases does not permit a conclusive statement, the observations allow the possibility that infection with intestinal helminths in TB patients may be interfering with the Th-1 response to antigens of MTB
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5937
Aparece nas coleções:PPGDI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao de Flavia Dias Coelho da Silva.pdf4.45 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.