Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6371
Título: Construção de ontologias de tarefa e sua reutilização na engenharia de requisitos
Autor(es): Martins, Aline Freitas
Orientador: Falbo, Ricardo de Almeida
Data do documento: 24-Jun-2009
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: MARTINS, Aline Freitas. Construção de ontologias de tarefa e sua reutilização na engenharia de requisitos. 2009. 161 f. Dissertação (Mestrado em Informática) - Programa de Pós-Graduação em Informática, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2009.
Resumo: Nowadays, it is acknowledged that reuse offers an important opportunity to achieve improvements in software development. Greater benefits, however, are achieved by reusing knowledge. Concerning knowledge reuse, two major kinds of knowledge should be considered: domain and task knowledge. For developing knowledge for reuse, models are needed to capture both, and ontologies can be used for this purpose. Domain ontologies describe the vocabulary related to a generic domain, while task ontologies describe the vocabulary related to a generic task. Domain ontologies have been extensively used in several areas in Computer Science, however, the same does not occur with task ontologies. There are few works presenting task ontologies, and there is no uniformity in representing them. Task knowledge involves two different facets: task decomposition and knowledge roles involved in the fulfillment of the subtasks. This work proposes the use of UFO (Unified Foundational Ontology) based UML profiles for representing task knowledge: OntoUML (that concerns class diagrams) modeling the knowledge roles involved and their properties and relations, and E-OntoUML (that concerns activity diagrams) capturing task decomposition and how knowledge roles act in their fulfillment. OntoUML is currently used to represent several domain ontologies. E-OntoUML is a new profile that is proposed here. This work also discusses how task ontologies can be combined with domain ontologies in order to describe the knowledge involved in a class of applications. Finally, since the main goal for capturing knowledge is to allow its reuse and sharing, an approach is proposed for reusing task ontologies in the Requirements Engineering process.
Atualmente, reconhece-se que a reutilização oferece uma importante oportunidade para alcançar melhorias no desenvolvimento de software. Maiores benefícios, no entanto, são obtidos pela reutilização em níveis mais altos de abstração, sobretudo pelo reúso de conhecimento. Em relação à reutilização de conhecimento, dois grandes tipos de conhecimento devem ser considerados: conhecimento de domínio e de tarefa. Para desenvolver o conhecimento para a reutilização, necessita-se de modelos para capturar ambos e ontologias podem ser utilizadas para este fim. Ontologias de domínio descrevem o vocabulário relacionado a um domínio genérico, enquanto ontologias de tarefa descrevem o vocabulário relacionado a uma tarefa genérica. Ontologias de domínio têm sido amplamente utilizadas nas mais diversas áreas da Ciência da Computação, entretanto o mesmo não ocorre com ontologias de tarefa. Existem poucos trabalhos apresentando ontologias de tarefa e não há uniformidade na representação das mesmas. O conhecimento de tarefa envolve dois aspectos principais: a decomposição em subtarefas e os papéis de conhecimento que as entidades do domínio irão exercer na realização da tarefa. Este trabalho propõe o uso de perfis UML baseados na Ontologia de Fundamentação Unificada (Unified Foundational Ontology UFO) para representar ontologias de tarefa: OntoUML (com base em diagramas de classes), para a modelagem dos papéis de conhecimento envolvidos e suas propriedades e relações, e E-OntoUML (com base em diagramas de atividades), para capturar a decomposição de tarefa e a participação dos papéis de conhecimento nas mesmas. O primeiro tem sido bastante utilizado para representar ontologias de domínio, enquanto o segundo é um novo perfil, proposto neste trabalho. Discute-se, também, como ontologias de tarefa podem ser combinadas com ontologias de domínio, a fim de descrever o conhecimento relativo a uma classe de aplicações. Por fim, uma vez que o principal objetivo para a captura do conhecimento é permitir o seu reuso e compartilhamento, propõe-se uma abordagem para reutilização de ontologias de tarefa no processo de Engenharia de Requisitos.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6371
Aparece nas coleções:PPGI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
dissertacao.pdf1.95 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.