Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6391
Título: Um middleware declarativo na plataforma Android™ para o sistema brasileiro de televisão digital (SBTVD)
Autor(es): Ferreira, Guilherme Daher
Orientador: Martinello, Magnos
Coorientador: Gomes, Roberta Lima
Data do documento: 28-Ago-2010
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: FERREIRA, Guilherme Daher. Um middleware declarativo na plataforma Um middleware declarativo na plataforma Android™ para o sistema brasileiro de televisão digital (SBTVD). 2010. 78 f. Dissertação (Mestrado em Informática) - Programa de Pós-Graduação em Informática, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2010.
Resumo: As with all major digital terrestrial TV systems, the Brazilian middleware called Ginga, supports both declarative applications (through its presentation declarative environment Ginga-NCL) and procedural applications (through its execution procedural environment Ginga-J). Unlike the fixtures, the Brazilian standardization provides that for the portable devices, only the environment Ginga-NCL is required. Today in Brazil there are some portable devices that allow the reception of digital TV signal. However, a minority of these devices are equipped with the middleware adopted by the Brazilian System of Digital Television - SBTVD. Known, although there is no device capable of running applications to digital television, using the Android™ platform operating system, like, there is also no open-source middleware implementation, available to the scientific community, capable of playing, in Brazilian standard, digital TV on portable devices. This paper describes the process used for implementation of Ginga-NCL, as well as details of the encoding for portable devices based on Android™ operating system. As a means to validate the implementation, experiments were conducted to analyze the performance of applications NCL and resource usage of the handheld device.
Assim como em todos os principais sistemas de TV digital terrestre, o middleware brasileiro Ginga suporta tanto aplicações declarativas (através da sua apresentação via ambiente declarativo Ginga-NCL) quanto aplicações procedurais (através da sua execução, via ambiente procedural Ginga-J). Diferentemente dos dispositivos fixos, a normatização brasileira estabelece que para os dispositivos portáteis, somente o ambiente Ginga-NCL é obrigatório. Hoje existem no Brasil alguns dispositivos portáteis que permitem a recepção do sinal de TV digital. No entanto, uma minoria destes aparelhos estão equipados com o middleware adotado pelo Sistema Brasileiro de Televisão Digital - SBTVD. Sabidamente, ainda não existe nenhum dispositivo capaz de executar aplicações para televisão digital utilizando a plataforma Android™ como sistema operacional. Não existe também nenhuma implementação aberta disponível para a comunidade científica, de um middleware capaz de reproduzir aplicações, no padrão brasileiro, para televisão digital em dispositivos portáteis. Este trabalho descreve o processo utilizado para implementação do Ginga-NCL, bem como detalhes da codificação, para dispositivos portáteis baseados no sistema operacional Android™. Como meio de validar a implementação, foram conduzidos experimentos para analisar a execução de aplicações NCL, bem como o uso de recursos do dispositivo portátil.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6391
Aparece nas coleções:PPGI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao de Guilherme Daher Ferreira.pdf1.45 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.