Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6405
Título: Diretrizes de acessibilidade para o MOrFEu
Autor(es): Nascimento, Charles Vieira do
Orientador: Menezes, Credine Silva de
Coorientador: Tavares, Orivaldo de Lira
Palavras-chave: Acessibilidade
Tecnologias assistivas
Ambientes flexíveis
Templates
Accessibility
Assistive technologies
Flexible environments
Data do documento: 28-Fev-2011
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: NASCIMENTO, Charles Vieira do. Diretrizes de acessibilidade para o MOrFEu. 2011. 119 f. Dissertação (Mestrado em Informática) - Programa de Pós-Graduação em Informática, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2011.
Resumo: O deslocamento do paradigma da sociedade industrial para a sociedade da informação coloca em discussão a democratização do conteúdo digital. Neste sentido, a Internet, devido a sua grande abrangência e popularidade adquirida, possui papel fundamental na socialização do conteúdo nela disponibilizado. Ao se pensar em inclusão, é necessário também a identificação dos fatores de exclusão, e neste contexto depara-se com um importante tema da sociedade atual: a inclusão do indivíduo com necessidades especiais. As tecnologias assistivas foram criadas para viabilizar a inclusão no meio digital, porém para que o objetivo seja alcançado, os softwares utilizados devem seguir padrões de modo que as informações fornecidas sejam percebidas pelo usuário corretamente. Isso também vale para o acesso e navegação na Web, para o qual já se tem diretrizes gerais que devem ser seguidas para remover os elementos obstrutivos. Embora existam, os padrões a seguir para acessibilidade na Web são voltados para desenvolvedores que possuem um conhecimento suficiente de programação. Em ambientes no qual o foco é a construção coletiva do conhecimento, torna-se imprescindível que o próprio processo de criação facilite o seguimento dos padrões. Este é o caso do Projeto MOrFEu, cuja principal proposta é a flexibilidade para que o usuário possa agrupar suas produções em estruturas diferentes daquelas pré-definidas. Este trabalho propõe um modelo de acessibilidade específico para o Projeto MOrFEu, considerando seus elementos essenciais como UPI, Veículos de comunicação e utilização de templates. Para validação da proposta, foi desenvolvido um protótipo que disponibiliza um conjunto de facilidades para mostrar sua aplicação prática na concepção de um ambiente acessível a todos os usuários.
The paradigm shift from the industrial society to the information society calls into question the democratization of digital content. Hence, the Internet, due to its broad scope and increased popularity, has a primary role in the socialization of its content. When thinking about inclusion, one also needs to identify the factors of exclusion, and in this context one faces an important issue in today's society: the inclusion of individuals with special needs. Assistive technologies are designed to make it possible the inclusion in the digital environment, however in order to that goal to be achieved, softwares used must follow standards so that the information provided is correctly perceived by the user. This also applies to access and Web browsing, for which there are already guidelines that must be followed to remove the obstructive elements. Although they exist, standards to follow for web accessibility are aimed at developers who have sufficient knowledge of programming. In environments where the focus is the joint construction of knowledge, it is essential that the actual creation process facilitates the monitoring of standards. This is the case of the MOrFEu Project, which main purpose is flexibility so that the user can group his productions into structures different from those pre-defined. This research proposes accessibility model specific to the MOrFEu Project, taking into account its essential elements as UPI, vehicles of communication and use of templates. To validate such proposal, a prototype was developed providing a set of tools to show their practical application in designing an accessible environment to all users.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6405
Aparece nas coleções:PPGI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao de Charles Vieira do Nascimento.pdf1.62 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.