Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6722
Título: Formação e trabalho no cotidiano do fazer-saúde : a invenção de problemas e a criação de outros possíveis
Autor(es): Morschel, Aline
Orientador: Barros, Maria Elizabeth Barros de
Palavras-chave: Formação e Trabalho em Saúde
Política Nacional de Humanização
Cartografia
Trabalho - Análise
Formação profissional
Humanização na saúde
Formación y trabajo en salud
Política Nacional de Humanización
Cartografía
Data do documento: 30-Dez-2010
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: MORSCHEL, Aline. Formação e trabalho no cotidiano do fazer-saúde : a invenção de problemas e a criação de outros possíveis. 2010. 114 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Institucional) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2010.
Resumo: El presente estudio trata el tema formación y trabajo en el campo de la salud pública. Con este fin acompañamos las actividades de un curso de formación de apoyadores institucionales ofrecido por la Política Nacional de Humanización en la provincia de Espírito Santo en el 2009. Objetivamos, desde una perspectiva cartográfica, componer un campo de investigación acompañando/produciendo discusiones sobre el tema en cuestión y problematizando como la PNH comparece en este contexto, que cuestiones han sido puestas, que dificultades los trabajadores encuentran en su cotidiano del hacer-salud y cuáles son los modos de enfrentamientos que allí se crían. Cuestiones esas que nos parecen pertinentes por creermos que los modos como los procesos de formación y trabajo son diseñados y realizados repercuten en la producción o no de cambios en las prácticas de salud y en la concretización del Sistema Único de Salud como política pública. Además de la participación en los momentos presenciales del curso, realizamos entrevistas, utilizando un guión de preguntas iniciales para disparar conversaciones con formandos-trabajadores y con los formadores, llamados apoyadores pedagógicos del curso que acompañamos
O presente estudo trata da temática de formação e trabalho no campo da saúde pública. Para tal acompanhamos as atividades de um curso de formação de apoiadores institucionais ofertado pela Política Nacional de Humanização no estado do Espírito Santo no ano de 2009. Objetivamos, desde uma perspectiva cartográfica, compor um campo de pesquisa acompanhando/produzindo discussões sobre a temática em questão e problematizando como a PNH tem comparecido neste cenário, que questões têm sido levantadas, que impasses os trabalhadores têm se deparado em seu cotidiano do fazer-saúde, quais modos de enfrentamento têm sido disparados. Questões estas que nos parecem pertinentes por acreditarmos que os modos como os processos de formação e de trabalho são concebidos e realizados repercutem na produção ou não de mudanças nas práticas de saúde e na efetivação do SUS como política pública. Além da participação nos momentos presenciais do curso, realizamos entrevistas, utilizando um roteiro de perguntas iniciais para disparar conversas com trabalhadores-formandos e com os formadores, denominados apoiadores pedagógicos do curso acompanhado
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6722
Aparece nas coleções:PPGPSI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Aline Morschel.pdf790.6 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.