Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7081
Título: Ponte da Passagem: por significações
Autor(es): CAMPOS, D. S.
Orientador: REBOUCAS, M. L. M.
Data do documento: 7-Jul-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: CAMPOS, D. S., Ponte da Passagem: por significações
Resumo: A Ponte da Passagem se renova simbolicamente na cidade de Vitória. Seja pela experiência cotidiana, seja pela vivência mediada pelos Jornais A Gazeta e A Tribuna, ela ganhou novos significados, espacialidades e territorialidades. Por meio dos seus discursos, essa mídia impressa a destacou nos anos de 2009 e 2014. A interação entre ponte, mídia e usuários, em seu processo complexo de comunicação, resultou em uma nova apreensão e relação com o espaço. A semiótica discursiva possibilitou apreender os efeitos de sentidos das narrativas midiáticas, bem como identificar as estratégias de manipulação para "construir" a ponte como referência geográfica, lugar de destaque, cartão postal e/ou símbolo da cidade e lugar de violência. Nem todas imposições da mídia foram aceitas pelos moradores, o que revela que eles participam ativamente desse processo de construção de significados.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7081
Aparece nas coleções:POSCOM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_9954_Dissertação final para impressão - REVISADA PDF.pdf7.85 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.