Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7086
Título: Imagem e territorialidades : cidadania e direitos humanos no campo do audiovisual
Autor(es): Mação, Patrik Camporez
Orientador: Zanetti, Daniela
Data do documento: 2-Mai-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Este trabalho investiga a articulações entre os campos do cinema e audiovisual e da cidadania e direitos humanos a partir do estudo de políticas públicas de inclusão audiovisual implementadas no Brasil nos anos 2000. A pesquisa analisa a inclusão das temáticas dos Direitos Humanos e da Cidadania no campo do audiovisual, tendo como objeto de estudo dois programas de fomento lançados na primeira metade dos anos 2000: Revelando os Brasis e Mostra Nacional de Cinema e Direitos Humanos. Objetiva com isso compreender os deslocamentos simbólicos promovidos pelo uso das imagens a partir de iniciativas que expandem as práticas do cinema e do audiovisual, utilizando-as como recursos de inclusão social. Este fenômeno se dá paralelamente a um período em que o Governo passa a adotar o discurso da democratização dos recursos públicos na esfera audiovisual. O cinema passa, de fato, a ser encarado como uma política pública e como ferramenta de fortalecimento de tradições, identidades e regionalidades. Dessa forma, o audiovisual será analisado, neste estudo, dentro da perspectiva dos territórios e das territorialidades
This work investigates the connections between the fields of cinema and audiovisual and of citizenship and human rights through the public policies study of audiovisual inclusion implemented in the years 2000 in Brazil. The research analyses the inclusion of topics related to Human Rights and Citizenship in the audiovisual field, aiming to study two fostered programs released the first half of the years 2000: Revelando os Brasis e Mostra Nacional de Cinema e Direitos Humanos. Aiming with it, comprehend the symbolic changes promoted by the images usage through expansionist initiatives for cinema and audiovisual practices, using them as a resource for social inclusion. This phenomenon parallels a period in which the Government adopts public resources democratization in the audiovisual scope. Cinema starts to be, in fact, seen as a public policy and as a tool to strengthen traditions, identities and regionalities. Therefore, audiovisual will be analyzed, in this study, from the territories and of territorialities perspective
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7086
Aparece nas coleções:POSCOM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_12031_DISSERTAÇÃO PATRIK .pdf1.43 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.