Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7189
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorGOMES, I. M.
dc.date.accessioned2018-08-01T21:36:16Z-
dc.date.available2018-08-01
dc.date.available2018-08-01T21:36:16Z-
dc.identifier.citationSILVA, G. C. R. F. E., Sobre os investimentos e cuidados com o corpo na sociedade de consumidores: interpretações à partir de estudantes do Ensino Médio do Colégio Pedo IIpor
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/7189-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.titleSobre os investimentos e cuidados com o corpo na sociedade de consumidores: interpretações à partir de estudantes do Ensino Médio do Colégio Pedo IIpor
dc.typemasterThesisen
dc.contributor.memberALMEIDA, U. R.
dc.contributor.memberALMEIDA, F. Q.
dcterms.abstractO objetivo do estudo foi analisar como os estudantes do ensino médio do Colégio Pedro II investem e cuidam do corpo no que Zygmunt Bauman convencionou chamar de sociedade de consumidores. A pesquisa desenvolveu-se com setenta e cinco estudantes do ensino médio regular e integrado do Colégio Pedro II Campus São Cristóvão III. A coleta de informações se deu a partir de dois instrumentos: (1) Questionário Survey on-line e (2) Grupo Focal. No questionário survey on-line setenta e cinco estudantes responderam sobre questões relacionadas a quatro grandes eixos-tema: corpo e consumo; intervenções no corpo; cuidados com a alimentação; e práticas corporais. O grupo focal teve um encontro e contou com a participação de sete estudantes, selecionados a partir da análise das respostas do questionário survey on-line. A organização roteiro deu-se a partir dos quatro grandes eixos-tema e de dados do questionário survey on-line. Os dados foram analisados a partir do cruzamento das informações do questionário survey on-line e do grupo focal, privilegiando o diálogo com a abordagem sociológica de Zygmunt Bauman. As análises desenvolvidas demonstraram que os estudantes do Colégio Pedro II, mesmo vivendo e estudando em um ambiente plural no que tange as questões sociais, políticas, econômicas e culturais, bem como tendo acesso a discussões e reflexões sobre o corpo a partir da diferença e compreendendo esse corpo dentro de uma sociedade pautada pelo consumo, não estão imunes aos discursos imperativos das instituições que ora regulam o corpo, como a indústria do corpo. Nesse sentido, o discurso dos estudantes sobre os investimentos e cuidados com o corpo na sociedade de consumidores se mostram ambivalentes, pois muitos estudantes disseram gostar de seus corpos, mas, no decorrer do trabalho, muitos se mostraram insatisfeitos e/ou inseguros com seu corpo, buscando por meio de intervenções no corpo, cuidados com a alimentação e práticas corporais, satisfazerem suas necessidades/desejos/vontades na busca por um corpo magro e atlético, sinônimo de beleza e sucesso. Dessa maneira, corroborando com Zygmunt Bauman, o trabalho demonstrou que estar insatisfeito com o corpo é uma condição da sociedade de consumidores.por
dcterms.creatorSILVA, G. C. R. F. E.
dcterms.formatapplication/pdfpor
dcterms.issued2017-06-30
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Educação Físicapor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.publisher.courseMestrado em Educação Físicapor
Aparece nas coleções:PPGEF - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_11137_Guilherme.Revisado.Versão final.pdf949.8 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.