Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7390
Título: Formação de Estrutura em um Universo Viscoso.
Autor(es): BARBOSA, C. M. S.
Orientador: J. C. Fabris
Coorientador: VELTEN, H. E. S.
Palavras-chave: Cosmologia
Matéria escura
Viscosidade
Data do documento: 4-Mai-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: BARBOSA, C. M. S., Formação de Estrutura em um Universo Viscoso.
Resumo: O modelo padrão da cosmologia considera que matéria e energia escura, componentes fundamentais para explicar fenômenos observados no Universo, compõem cerca de 95% do total de energia cósmica, enquanto bárions e radiação contribuem com uma fração menor que 5% do total de energia cósmica. É considerado que a matéria escura fria possui equação de estado de pressão nula, porém sua natureza é um dos maiores mistérios da cosmologia atual, e assumir uma equação de estado do tipo poeira pode ser um equívoco. Viscosidades estão constantemente presentes na natureza, e é natural pensarmos que também na matéria escura deva existir viscosidades. Neste trabalho fazemos um estudo de matéria escura com propriedades viscosas, que possui uma equação de estado diferente de zero e com pressão negativa (pois viscosidades são mecanismos dissipativos). São consideradas duas viscosidades: a volumétrica e a de cisalhamento. O objetivo principal deste trabalho é estudar como a inclusão da viscosidade de cisalhamento impacta na formação de estruturas. Um objetivo secundário é investigar a relação de viscosidade de cisalhamento com modelos de gravidade modificada, utilizando uma parametrização fenomenológica.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7390
Aparece nas coleções:PPGFIS - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_12132_Tese Carolina Martins.pdf2.04 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.