Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7593
Título: Óleos essenciais no manejo de Duponchelia fovealis Zeller, 1847 (Lepidoptera: Crambidae)
Autor(es): Ataide, Julielson Oliveira
Orientador: Pratissoli, Dirceu
Palavras-chave: Lagartas
Plantas inseticidas
Manejo fitossanitário de prag
Data do documento: 17-Fev-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Duponchelia fovealis Zeller, 1847 (Lepidoptera: Crambidae) é uma lagarta originária da região do mediterrâneo, que foi encontrada no Brasil em 2010, atacando flores, folhas, coroa e frutos do morangueiro. Por ser um inseto ainda pouco estudado, até o momento não há nenhum inseticida registrado no Brasil para o seu controle. Dessa forma, encontrar um método adequado para o controle dessa praga torna-se necessário. Assim, o objetivo geral do estudo foi avaliar a toxicidade de óleos essenciais sobre a D. fovealis, para isso foram testados os óleos essenciais de Zingiber officinale, Syzygium aromaticum, Cinnamomum zeylanicum, Eugenia brasiliana, Citrus Limon, Citrus aurantium dulce, Citrus aurantium amara e o D-limoneno. Para os testes biológicos utilizou-se um aerógrafo para pulverizar sobre as lagartas as soluções dos óleos essenciais na concentração de 2% (m/v) e o método de imersão para avaliar a mortalidade dos embriões. O solvente usado no preparo das soluções dos óleos essenciais foi uma solução de água contendo 0,05% (m/v) de Tween 80 e 2% (m/v) de acetona, que foi usado também como o controle negativo e o inseticida Clorfenapir como controle positivo. As mortalidades observadas de D. fovealis usando o óleo essencial de gengibre (Zingiber officinale) sobre lagartas de 1º, 2º e 3º ínstar e de embriões, após 72 horas, foram de: 98, 56, 15 e 98%, respectivamente. Usando o mesmo óleo, foram estimandos os valores de CL50 0,61% e CL90 1,35% m/v para as lagartas de 1º ínstar e para os embriões, CL50 0,25% e CL90 0,54%. Em relação aos óleos essenciais de Syzygium aromaticum, Cinnamomum zeylanicum e Eugenia brasiliana, apresentaram uma mortalidade após 72 horas de 54,00%, 25,00% e 15,40%, respectivamente em lagartas de 1º ínstar. Os óleos essenciais de Citrus Limon, Citrus aurantium dulce, apresentaram toxicidade sobre os embriões de 100%, Citrus aurantium amara e o componente majoritário D-limoneno de 34,48% e 32,18%, respectivamente. Para as lagartas de 1º ínstar, os óleos essenciais de Citrus Limon e Citrus aurantium dulce apresentaram 57,50% e 56.25%, o D- limoneno e Citrus aurantium amara 14%, 13% respectivamente. No estádio de 2o ínstar os óleos essenciais de Citrus Limon e Citrus aurantium dulce obtiveram 20,00%. Os valores estimados de CL50 CL90 dos óleos essenciais de Citrus Limon, Citrus aurantium dulce sobre os embriões foram, CL50 0,40% e CL90 0,70% e CL50 e 0,13%. e CL90 0,33% respectivamente. Os óleos essenciais apresentaram toxicidade sobre D. fovealis. Palavras-Chaves: Lagartas. Plantas inseticidas. Manejo fitossanitário de pragas. Componentes voláteis.
Duponchelia fovealisZeller, 1847 (Lepidoptera: Crambidae) is a caterpillar native to the Mediterranean region, which was found in Brazil in 2010, attacking flowers, leaves, crown and fruits of the strawberry. Because it is an insect that has not yet been studied, to date there is no insecticide registered in Brazil for its control. Thus, finding a suitable method for controlling this pest becomes necessary. The objective of this study was to evaluate the toxicity of essential oils on D. fovealis. The essential oils of Zingiber officinale, Syzygium aromaticum, Cinnamomum zeylanicum, Eugenia brasiliana, Citrus limon, Citrus aurantium dulce, Citrus aurantium amaraand D-limonene. For the biological tests an airbrush was used to spray on the caterpillars.The solutions of the essential oils in the concentration of 2% (w/ v) and the immersion method to evaluate the eggs' The solvent used in the preparation of essential oils solutions was a water solution containing 0.05% (w/v)Tween 80 and 2%(w/v)acetone, which was also usedas the negative control and the insecticide Chlorphenapy as a positive control. The observed mortalities of D. fovealisusing the essential oil of Zingiber officinale on 1st, 2nd and 3rdínstarcaterpillars and embryosafter 72 hours were: 98, 98%, 56and 15, respectively. Using the same oil, LC50values 0.61%and LC901.35%for 1stínstarcaterpillars and for embryosLC500.25%and LC900.54%. In relation to the essential oils of Syzygium aromaticum, Cinnamomum zeylanicumand Eugenia brasiliana, they presented mortalityafter 72 hours of 54.00%, 25.00% and 15.40%,respectively, in 1stínstarcaterpillars. The essential oils of Citrus limon, Citrus aurantium dulce, showed toxicity on 100%embryos, Citrus aurantium amara and the major component D-limoneneof 34.48% and 32.18%,respectively. For the 1stínstarcaterpillars, the essential oils of Citrus Limonand Citrus aurantium dulcepresented 57.50% and 56.25%, D-limonene and Citrus aurantium amara14%, 13%(w / v)respectively. In the 2ndínstarstage the essential oils of Citrus Limonand Citrus aurantium dulceobtained 20.00%. Estimated values LC50and LC90of the essential oils of Citrus Limon, Citrus aurantium dulceon embryoswere, LC500.40% and CL900.70% (w / v) and LC50and 0.13% and LC900.33%respectively. The essential oils presented toxicity on D. fovealis
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7593
Aparece nas coleções:PPGPV - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_9646_Julielson Oliveira Ataide.pdf1.13 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.