Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7594
Título: Biologia de Liriomyza sativae Blanchard, 1938 (Diptera: Agromyzidae) em tomateiros submetidos à aplicação de silício
Autor(es): Barros, Adamastor Pereira
Orientador: Zago, Hugo Bolsoni
Palavras-chave: Mortalidade
Manejo de pragas
Mosca-minadora
Data do documento: 29-Jul-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: O tomateiro é sensível ao ataque da mosca-minadora, Liriomyza sativae. As injúrias provocadas pela mosca-minadora comprometem a sanidade do vegetal, uma vez que, tanto as puncturas para alimentação quanto as galerias confeccionadas pelas larvas favorecem a entrada de patógenos, além de reduzir a área fotossintética. O uso de silício na cultura do tomateiro pode ser um excelente aliado no manejo de L. sativae, podendo reduzir e até dispensar o uso de inseticidas sintéticos que provocam desequilíbrios ambientais, entre os quais, morte de insetos benéficos, polinizadores, predadores e parasitoides. Portanto objetivou-se analisar a biologia e o comportamento de L. sativae em tomateiros submetidos à aplicação de silício. Os tratamentos foram com silicato de potássio e dióxido de silício, em duas formas de aplicação, foliar e drench. Aplicou-se nos tomateiros as fontes de silício, 24 horas após, realizou-se os ensaios. No ensaio de biologia analisou-se a duração e viabilidade das fases imaturas, a razão sexual, longevidade e a sobrevivência dos adultos. Já no ensaio de livre escolha avaliou-se o comportamento alimentar e reprodutivo das fêmeas. No ensaio de tabela de vida e fertilidade, ovos e larvas de duas gerações de L. sativae foram desenvolvidos em tomateiros submetidos à aplicação de silício, e avaliou-se os a prole F1. Com os dados biológicos confeccionou-se as Tabelas de Vida de Fertilidade (TVF) e calculou-se os parâmetros de crescimento populacional pela estimativa de Jacknife, com adultos da prole F1 analisou-se a sobrevivência e a fertilidade. A pulverização de silicato de potássio e dióxido de silício confere proteção aos tomateiros, afetando a sobrevivência da fase imatura, o comportamento alimentar e de oviposição, além de comprometer a fertilidade e a sobrevivência de fêmeas F1. Em síntese, o silício aplicado afeta negativamente a biologia de L. sativae. Palavras-chave: Mortalidade. Manejo de pragas. Mosca-minadora. Solanum lycopersicum. Silicato de potássio. Dióxido de silício.
Tomato is sensitive to attack the leafminer fly, Liriomyza sativae.The injuries caused by the leafminer compromise the health of the plant, once both the punctures as for feedingas galleries made by larvaes favoring the entry of pathogens and reduce the photosynthetic area. The use inducers of resistance in tomato crop can be an excellent ally in the management of L. sativaeand may reduce or even dispense use of synthetic insecticides thatcause environmental imbalances, including, death of beneficial insects, pollinators, predators and parasitoids. Therefore, become objectified analyze biology and behavior for L. sativaein tomatoes subjected to silicon.Treatments consisted of with potassium silicate and silicon dioxide in two forms of application, drench and foliar.It was applied to tomato plants silicon sources, and after 24 hours, was performed assays.In biology test was analyzed the duration and viability of the immature stages, thesex ratio, longevity and survival of adults. In the assay of free choice was evaluated the feedingand reproductive behavior of females.In life table and fertility assay, eggs and larvae of two generation of L. sativaewere developed in tomato plants submitted to the application of silicon, and evaluated the F1 offspring.With biological data were made the Fertility Life Tables (TVF) and calculated the parameters of population growth by Jacknife estimation, with F1 offspring adultsof we analyzed the survival and fertility.Spraying potassium silicate and silicon dioxide provides protection to tomato plants, affecting the survival of immature stage, feeding behavior and oviposition in addition to impaired fertility and survival of F1 females. In summary, silicon applied adversely affects in the L. sativaebiology.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7594
Aparece nas coleções:PPGPV - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_9649_Adamastor Barros.pdf2.24 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.