Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7685
Título: ANÁLISE DE TÉCNICAS DE COMBATE A INCÊNDIOS EM PLANTIOS DE EUCALIPTO
Autor(es): CANZIAN, W. P.
Orientador: FIEDLER, N. C.
Palavras-chave: incêndios florestais
carbonização
florestas plantadas
Data do documento: 29-Fev-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: CANZIAN, W. P., ANÁLISE DE TÉCNICAS DE COMBATE A INCÊNDIOS EM PLANTIOS DE EUCALIPTO
Resumo: CANZIAN, W. P. Análise de técnicas de combate a incêndios em plantios de eucalipto. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) Universidade Federal do Espírito Santo, Jerônimo Monteiro ES. Orientador: Prof. Dr. Nilton Cesar Fiedler. Coorientadora: Profa. Dra. Mayra Luiza Marques da Silva Binoti. Este estudo teve como objetivo avaliar mecanismos de combate e técnicas de manejo do fogo em florestas plantadas. De forma específica foram avaliados a eficiência no uso da água em diferentes sistemas de combate aos incêndios florestais; a eficiência de dois sistemas de combate aos incêndios florestais, com diferentes metodologias de eliminação do fogo e distintos manejos da vegetação do sub-bosque em plantio de eucalipto com 6 anos de idade e os efeitos da altura da vegetação sobre a altura de carbonização em florestas plantadas. A avaliação da eficiência do uso da água em diferentes sistemas de combate aos incêndios florestais que a empresa utiliza foi mensurado a partir da capacidade de transporte de volume de água dos tanques, vazão de espuma durante o combate, tempo de uso, poder de transformação do volume de água em volume de espuma e volume total disponível. Os dados coletados foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey. A avaliação dos métodos e técnicas de combate sobre o efeito do manejo da vegetação do sub-bosque de plantios de eucalipto foi realizado em um talhão de eucalipto de 6 anos de idade. Foram montadas 40 parcelas de 9 x 21 m, onde avaliou-se a eficiência dos tratamentos em eliminar o fogo e análise sobre o tempo de realização da linha úmida e o tempo do combate direto. Os dados coletados foram submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey. A análise entre as alturas do sub-bosque florestal com a altura de carbonização da casca das árvores em povoamentos de Eucalipto foi realizada com o estudo da correlação de Pearson. Foram utilizados os registros de ocorrências dos incêndios florestais na empresa entre os meses de outubro de 2014 a março de 2015, totalizando 1094 registros. Entre os sistemas de combate analisados, o Cafs com a tecnologia de aplicação de espuma foi o que apresentou melhores resultados, sendo que o fator determinante para seu destaque foi a capacidade de transformação do volume de água em volume de espuma. Na avaliação entre os efeitos dos métodos e técnicas de combate sobre o efeito da altura do sub-bosque, pode-se notar que os dois métodos de combate apresentaram resultados satisfatórios, uma vez que, em todas as situações conseguiram combater e impedir a propagação do fogo. Eles assemelharam em 75% dos testes realizados, tendo apenas superioridade e diferença significativa no teste do Cafs na realização de linha úmida em áreas sem roçada. Além disso, pode-se observar que o tempo para a realização do combate direto é melhor do que o tempo de confecção de aceiros e que as áreas roçadas proporcionaram tempos médios menores tanto na confecção da linha úmida como no combate direto. A análise entre a altura da vegetação sobre altura de carbonização apresentou uma forte correlação positiva, com valores do coeficiente de Pearson acima de 0,95. Isso significa que quanto mais alta a vegetação no sub-bosque florestal maiores serão as alturas de carbonização nas árvores. Essa altura de carbonização implica na perda de madeira para produção de celulose. Assim, a realização da roçada da vegetação em áreas críticas de ocorrência de incêndios é uma das medidas mitigadoras a serem adotadas para minimizar as perdas de madeira por carbonização.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7685
Aparece nas coleções:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_9390_Weslen Canzian2016.pdf1.34 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.