Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7734
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorCOSER, A. C.
dc.date.accessioned2018-08-01T22:56:47Z-
dc.date.available2018-08-01
dc.date.available2018-08-01T22:56:47Z-
dc.identifier.citationMACHADO, T. J., Comportamento Ingestivo e Consumo de Nutrientes de Cordeiros Alimentados Com Feno de Tifton 85 Suplementado Com Concentradopor
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/7734-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.titleComportamento Ingestivo e Consumo de Nutrientes de Cordeiros Alimentados Com Feno de Tifton 85 Suplementado Com Concentradopor
dc.typemasterThesisen
dc.contributor.memberSTRADIOTTI JUNIOR, D.
dcterms.abstractObjetivou-se com este trabalho avaliar o consumo de nutrientes e o comportamento ingestivo de ovinos da raça Santa Inês alimentados com diferentes níveis de concentrado (0,0; 0,66; 1,33 e 2,0% do peso vivo). Foram utilizados 20 ovinos desmamados, não castrados, com peso vivo (PV) inicial de 20,25 ± 3,55 kg, distribuídos em quatro tratamentos experimentais, em delineamento inteiramente casualizado, com cinco repetições. As dietas foram fornecidas ad libitum duas vezes ao dia, sendo constituídas de feno de Tifton 85 e suplemento concentrado. Os animais foram submetidos à observação visual por períodos integrais de 24 horas, em intervalos de dez minutos, para avaliação das atividades comportamentais. O consumo de matéria seca (CMS) foi estimado por meio da técnica de indicadores externos utilizando o LIPE®. Enquanto o consumo de fibra em detergente neutro (CFDN), fibra em detergente ácido (CFDA) e de proteína bruta (CPB) foram obtidos a partir dos teores de suas frações presente nas dietas. Os resultados revelaram que houve efeito dos diferentes níveis de concentrado sobre o CMS, FDN, FDA e PB, além do TAL e TRU, em min/dia e min/kg de MS, FDN, FDA e PB, e do TOC, em min/dia. Não se observou diferença para o tempo de mastigação (seg/bolo, nº/min e nº/dia), número de períodos de alimentação e ruminação e o tempo despendido por período de ruminação e ócio, bem como para as frequências das variáveis fisiológicas. Em contrapartida, a eficiência de alimentação e ruminação em g de MS e PB foram influenciadas e apresentaram efeito linear crescente com o incremento do nível de concentrado, de modo inverso, a eficiência de alimentação e ruminação em g de FDN e FDA apresentaram efeito linear negativo.por
dcterms.creatorMACHADO, T. J.
dcterms.formatapplication/pdfpor
dcterms.issued2013-07-24
dcterms.subjectetologiapor
dcterms.subjectindicador externopor
dcterms.subjectsuplementação concentradapor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciências Veterináriaspor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.publisher.courseMestrado em Ciências Veterináriaspor
Aparece nas coleções:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_6596_DISSERTAÇÃO THIAGO JACOOUD MACHADO.pdf1.15 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.